Coin News

WhatsApp caiu de novo? Pesquisas no Google aumentam após interrupção do serviço

25 Oct, 20224 min readOther
WhatsApp caiu de novo? Pesquisas no Google aumentam após interrupção do serviço

Cerca de 2 bilhões de usuários do WhatsApp ficaram sem serviço em 25 de outubro, quando o maior aplicativo de mensagens do mundo ficou offline novamente. A Meta, dona do Facebook e do aplicativos de mensagens instantâneas, ainda não esclareceu o que causou a interrupção.

Enquanto isso, os usuários foram a plataformas de mídia social como o Twitter para compartilhar memes hilários sobre a interrupção. Muitos também afirmaram que estão migrando para plataformas alternativas. Uma situação semelhante ocorreu em outubro de 2021 quando o Facebook, o Instagram e o WhatsApp ficaram inativos por mais de 24 horas devido a uma “mudança na configuração do servidor”.

WhatsApp is down. #Bitcoin never goes down.— Cointelegraph (@Cointelegraph) October 25, 2022

O WhatsApp está fora do ar. #Bitcoin nunca cai.

— Cointelegraph (@Cointelegraph)

Desta vez, a interrupção foi bastante curta, com o WhatsApp restaurando os serviços de mensagens poucas horas após o início da interrupção. No entanto, questões sobre aplicativos alternativos de mensagens vieram à tona mais uma vez.

When you come to @Twitter and realise that, yes, WhatsApp is down... — Real Madrid C.F. (@realmadriden) October 25, 2022

Quando você chega no @Twitter e percebe que, sim, o WhatsApp está fora do ar...

— Real Madrid C.F. (@realmadriden)

Os dados do Google Trends destacaram um aumento nas pesquisas relacionadas ao WhatsApp em todo o mundo em 25 de outubro, enquanto os usuários tentavam descobrir o que havia acontecido com o aplicativo de mensagens mais popular do planeta. Singapura, Emirados Árabes Unidos, Itália, Holanda, Paquistão e África do Sul figuravam como os países com o maior número de consultas relacionadas ao WhatsApp após o apagão.

A comunidade de criptomoedas há muito tempo mantém a privacidade e a criptografia em alta consideração e, como tal, vários concorrentes do WhatsApp têm sido cada vez mais aplicativos de mensagens instantâneas têm sido endossados como alternativas.

O Telegram tem aumentado sua base de usuários de forma constante nos últimos anos, com o fundador e CEO Pavel Durov afirmando que a base de usuários da plataforma chegou a 700 milhões em outubro de 2022. O Telegram permite que os usuários enviem mensagens, fotos e vídeos criptografados de ponta a ponta; compartilhem arquivos; e criem grandes grupos ou canais com até 200.000 pessoas para fins de transmissão.

O Signal possui uma base de usuários de cerca de 40 milhões de pessoas em todo o mundo, e seus recursos de privacidade são apontados como os de maior excelência do setor. Sua criptografia de código aberto de ponta a ponta garante que terceiros não podem ler ou ouvir as mensagens ou conversas dos usuários do Signal.

O Discord é outro player crescente no espaço de aplicativos de mensagens instantâneas, já popular entre os jogadores como um importante serviço de voz sobre IP. A plataforma reivindica atender a mais de 140 milhões de usuários que fazem uso de suas chamadas de voz e vídeo, mensagens de texto, recursos de compartilhamento de mídia e arquivos e hospedagem de servidores.

O Line é outro serviço de mensagens alternativo usado por cerca de 178 milhões de usuários, e é especialmente popular em todo o leste da Ásia. Ele integra mensagens de texto e chamadas de voz e vídeo com uma gama de serviços diversos, incluindo uma carteira digital, jogos e serviços de streaming de música.

WhatsApp is down globally. doesn't have servers. All connections happen directly between peer devices. Full privacy.In fact the biggest lie is that people need cloud/centralized infrastructure to talk to friends and family.Be a — Paolo Ardoino (@paoloardoino) October 25, 2022

O WhatsApp está fora do ar globalmente. https://t.co/uaVXfClZVr não tem servidores. Todas as conexões acontecem diretamente entre dispositivos de mesmo nível. Privacidade total.Na verdade, a maior mentira circulando por aí é que as pessoas precisam de infraestruturas em nuvem/centralizadas para conversar com amigos e familiares.Seja um https://t.co/4Wexvzjy95

— Paolo Ardoino (@paoloardoino)

Uma alternativa descentralizada que contorna a necessidade de servidores ou serviços centrais também é uma opção. O Keet, desenvolvido pela Holepunch, empresa de desenvolvimento apoiada pela Bitfinex e pela Tether, oferece um aplicativo de mensagens ponto a ponto baseado em desktop para chamadas de texto e vídeo.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store