Coin News

Vale a pena investir em criptomoedas mesmo com o mercado desabando? Veja o que dizem estes especialistas

10 May, 20223 min readBitcoin
Vale a pena investir em criptomoedas mesmo com o mercado desabando? Veja o que dizem estes especialistas

O mercado de criptomoedas global passa por um período sensível e desafiador. Nas últimas 24 horas, o Bitcoin (BTC), a maior criptomoeda do mundo, perdeu cerca de 4% de seu preço e acumula aproximadamente 19% de perdas nos últimos sete dias. Ethereum (ETH), a segunda maior cripto, apesar de uma leve recuperação de 2% nesta terça (10), também acumula perdas acima dos 15% no mesmo período.

Essas quedas, contudo, podem oferecer aos investidores a chance de entrar em criptomoedas ou aumentar seus portfólios. Instituições e “baleias” aproveitam a queda no preço para aumentar estoques em criptomoedas e, à parte, o governo de El Salvador, que aproveitou o momento de baixa para ir às compras e adquiriu 500 Bitcoins na segunda-feira (09).

Mas é realmente hora de comprar? Veja o que disseram especialistas no assunto.

Para o sócio-fundador e gestor de portfólio da BLP Crypto, Alexandre Vasarhelyi, os mercados globais já tiveram uma correção importante, assim como o setor de tecnologia global, que avançou significativamente. Para ele, do ponto fundamentalista, o setor de criptoativos não mudou nada – inclusive segue amadurecendo dia após dia.

“Se o preço mudou bastante, mas o fundamento não mudou, eu acho que é uma ótima oportunidade para quem ainda não entrou no mercado”, afirma.

“Já para aqueles que entraram e estão no prejuízo, eu não recomendo aumentar porque ‘crises’ a gente nunca sabe o tamanho — para esses eu seria conservador. Mas aquele que sempre quis comprar e não teve coragem, acho que agora é o momento de se aventurar”, disse Vasarhelyi, por telefone, ao Portal do Bitcoin.

Momento de cautela

Procurado para comentar o assunto, Humberto Andrade, trader do Mercado Bitcoin, acredita que o momento é atrativo para quem já vinha acompanhando o mercado e também oferece grandes oportunidades de investimento, pois fazia muito tempo que o Bitcoin não chegava a este patamar de preço.

“É um momento muito bom, mas também de muita cautela”, comenta Andrade. E acrescenta:

“Teve uma queda muito grande, foi um movimento muito forte ontem (segunda-feira), muito provavelmente pode ser o fundo do movimento do mensal — a gente já vinha na expectativa de que maio pudesse efetivamente continuar a queda que vinha desde abril, mas não tão significativa como aconteceu ontem. Nesse sentido, para quem tem a sua reserva, o momento é muito oportuno tanto para reavaliar os ativos que estão em carteira quanto para fazer novos aportes”.

Mas ainda assim, ressalta Andrade, é importante frisar que não é o momento de entrar de uma única vez.

“A pessoa que está olhando esse momento, que entenda que ainda existe uma chance grande de um movimento, ou continuar caindo ou ele efetivamente dar uma retraída, buscando a próxima resistência”, conclui o trader.

Métricas históricas são favoráveis

Já André Franco, head de research do Mercado Bitcoin, diz que “por mais que vejamos algumas métricas muito positivas no bitcoin, o momento é de realmente esperar mais quedas, podendo ir abaixo dos US$ 30 mil e inclusive se aproximar dos US$ 20 mil”, em texto direcionado a clientes e jornalistas

“Se nós fossemos totalmente agnósticos a preço, diria que as métricas do Bitcoin nunca foram tão positivas. Os holders de longo prazo continuam acumulando bitcoin e estamos no ponto histórico mais alto e positivo dessa métrica”, comenta Franco.

Naturalmente, acrescenta, a pergunta que todo o mercado se faz é a de como avaliar até onde vai a queda e quais são os possíveis sinais de reversão – os famosos pontos certos de entrada e saída.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store