Coin News

'USDD não está segura e só tem 50% de colateral', aponta analista

5 d ago3 min readOther
'USDD não está segura e só tem 50% de colateral', aponta analista

Na noite de domingo (13), o perfil Lookonchain publicou no Twitter que o USDD, stablecoin da rede Tron (TRX), perdeu seu pareamento com o dólar desde o dia 9 de novembro e ainda não retomou. Usando dados extraídos da blockchain, a publicação aponta que há somente 50% do colateral para as stablecoins emitidas, após Justin Sun retirar US$ 350 milhões para pagar um empréstimo na plataforma Justlend.

Além do problema com o USDD, o perfil Lookonchain também publicou sobre outras grandes movimentações de venda no mercado cripto. Dentre essas movimentações estão o cofundador do Ethereum (ETH), Vitalik Buterin, vendendo 3.000 ETH.

‘USDD não é seguro’

O perfil Lookonchain aponta que, há quase uma semana, o USDD está cotado próximo dos US$ 0,98. Ainda de acordo com a publicação, parece que não há previsão para retomada do pareamento.

No dia 10 de novembro, a Tron possuía US$ 990 milhões em USDC para suprir as reservas de USDD. Em quatro dias, porém, a reserva passou para US$ 442 milhões. Cerca de US$ 550 milhões foram transferidos para três diferentes endereços. Do total, foram usados US$ 350 milhões para pagar um empréstimo na Justlend, plataforma de empréstimos da rede Tron.

Além disso, os US$ 200 milhões restantes foram enviados à Binance. Nem mesmo os US$ 442 milhões restantes nas reservas de USDC que fazem o lastro do USDD estão totalmente disponíveis, salienta o perfil Lookonchain.

8.There is only 442M $USDC left in the reserve, all in #JustlendBut 332M $USDC loaned on #Justlend and only 139M $USDC available. — Lookonchain (@lookonchain) November 14, 2022

“Há apenas US$ 442 milhões em USDC na reserva, mas US$ 332 milhões foram emprestados na Justlend, e apenas US$ 139 milhões estão disponíveis.”

A publicação acrescentou que há uma reserva de 14.040,60 Bitcoins, equivalentes a cerca de US$ 225 milhões. Ao todo, somente US$ 364 milhões estão disponíveis, representando pouco mais da metade dos 725 milhões de tokens USDD.

Por fim, o perfil Lookonchain ressaltou que Justin Sun moveu US$ 170 milhões em USDC para a Binance. A movimentação indica, segundo o perfil, uma possível troca de USDC por dólares reais.]

Outras movimentações

Vitalik Buterin, cocriador do Ethereum, fez uma movimentação de venda no dia 12 de novembro. Foram vendidos 3.000 ETH na exchange descentralizada Uniswap, ao preço de US$ 1.250,30, totalizando cerca de US$ 3,75 milhões. A venda em um momento caótico para o mercado de criptomoedas levantou discussões sobre o motivo.

A ApeCoin (APE) também sofreu pressão de venda durante o colapso da FTX. J1mmy.eth, dingaling e DFarmer.eth são três perfis influentes no mercado de tokens não-fungíveis (NFTs), e receberam airdrop de APE por possuírem NFTs da coleção Bored Ape Yacht Club (BAYC). Com a queda do mercado, os três influencers venderam cerca de US$ 5,2 milhões do token, aponta o perfil Lookonchain.

Um dos consultores do Axie Infinity (AXS) parece ser outro investidor que parece buscar liquidez enquanto o risco sistêmico da FTX não é revelado. Em outra de suas publicações, o perfil Lookonchain mostra que a carteira do consultor moveu 3,6 milhões de tokens AXS para a Binance, totalizando quase US$ 26 milhões.

Leia mais:

  • Stanley Wu da Ankr: Baixa de 80% no Bitcoin com falência da FTX não é nada perto do potencial de alta de todo ecossistema DeFi;
  • Vitalik Buterin será lembrado como uma das figuras mais influentes do século, diz analista;
  • CRO da Crypto.com com está com problemas, mas uma recuperação de 50% está em jogo.
  • Source

    Subscribe to get our top stories

    Coin News
    App StoreApp Store