Coin News

The Merge adiado? Desenvolvedores encontram problemas em testes do Ethereum

28 Jun, 20223 min readEthereum
The Merge adiado? Desenvolvedores encontram problemas em testes do Ethereum

Os desenvolvedores do Ethereum se reuniram no Core Devs Meeting, encontro que visa liar com o desenvolvimento da rede. Durante o encontro, os desenvolvedores identificaram problemas relacionados à prontidão das equipes dos clientes.

Como resultado, isso pode significar um atraso para a The Merge, a aguardada atualização da rede. No entanto, a equipe está otimista de que conseguirá resolver os problemas a tempo.

Dessa forma, os desenvolvedores marcaram um novo teste da Merge. Após executar a atualização na Ropsten, agora é a vez da rede de testes Sepolia receber a atualização. Se tudo ocorrer como o planejado, a rede Sepolia receberá a The Merge até o dia 6 de julho.

Novo fork alerta desenvolvedores

Os desenvolvedores tiveram uma longa discussão sobre os problemas em torno do sétimo shadow fork, realizado na quarta-feira (22). Shadow forks é o nome dados a divisões propositais criadas em redes de testes, crada por nós pré-determinados.

Esses testes ocorrem em redes privadas antes de passarem para as redes públicas. Mas de acordo com os desenvolvedores, o último shadow fork não foi bem-sucedido. De fato, 20% dos nós ficaram offline após a ativação, e outros perderam conexão com a rede ao longo do teste.

Para Alexey Sharp, um pesquisador independente parte do problema estava relacionado à natureza dos shadow forks e não à The Merge em si. Os nós Erigon demonstraram falhas justamente por causa do fork.

O sistema Hyperledger Besu também sofreu problemas causados por uma falha foi devido a um bug de simultaneidade nos nós Bonsai Tries. De acordo com a equipe, 25% dos validadores de rede utilizam o software Besu. Esses validadores enfrentaram problemas após a ativação da The Merge.

No entanto, os desenvolvedores continuam confiantes em poder implantar a mesclagem na rede de testes Sepolia em 6 de julho de 2022. Antes disso, contudo, o hard fork Grey Glacier acontecerá na próxima quarta-feira (29).

O Grey Glacier mudará os parâmetros da atualização da bomba de dificuldade da mineração, empurrando-o para trás em 700 mil blocos. Isso é aproximadamente o equivalente a 100 dias. Mas ao contrário do Sepolia, os desenvolvedores não vão lançar o Grey Glacier numa rede de testes.

Portanto, os nós e membros do Ethereum terão o espaço entre o dia 29 e junho e 6 de julho para se preparar contra eventuais falhas. Em seguida, o novo teste será definitivamente lançado.

Como os preços do ETH responderão

Após a implementação do The Merge, a expectativa é de um grande corte na oferta de Ether (ETH). As melhores estimativas dão conta de algo como até três halvings do Bitcoin.

Lark Davis, um grande influenciador e investidor de criptomoedas, compartilhou que o sucesso da The Merge, combinada com menos ETH no mercado, poderia fazer com que os preços da criptomoeda dispararem.

No momento da escrita deste texto, uma ETH opera em queda de 1,17% e está cotada a R$ 6.196.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store