Coin News

Startups nacionais anunciam que estão comprando criptomoeda MCO2 da Moss

21 Jun, 20223 min readOther
Startups nacionais anunciam que estão comprando criptomoeda MCO2 da Moss

Duas startups nacionais anunciaram recentemente que, apesar do mercado de baixa, estão comprando a criptomoeda MCO2, da MOSS, como forma de compensar a pegada de carbono de suas operações.

Segundo comunicado encaminhado ao Cointelegraph, a Zapay, startup de tecnologia que atua com a gestão e financiamento de débitos veiculares, e a ClickBus, maior marketplace do transporte rodoviário de ônibus no Brasil, fecharam parceria com a MOSS na compra do token MCO2, visando compensar a pegada de carbono das empresas.

No caso da Zapay a startup recebeu o selo “Carbon Neutral” por compensar as emissões de carbono(CO2) geradas por suas atividades administrativas ao longo do ano de 2021. Foram neutralizadas um total de 137 toneladas de CO2.

Para dimensionar, a compensação de carbono realizada pela a Zapay equivale a rodar 994.307,21 quilômetros de carro a gasolina, ou aproximadamente 3.490 residências brasileiras abastecidas com energia elétrica, cerca de 24 voltas de carro em torno da Terra ou ainda 50 mil refeições brasileiras de 400g.

O cálculo das emissões levou em conta as demandas administrativas da Zapay, como ar-condicionado, energia elétrica, combustão estacionária e móvel.

“Este selo é muito importante para nós da Zapay. Buscamos construir não só uma solução que facilite a vida dos nossos clientes, desburocratizando o pagamento de débitos veiculares, mas também um ecossistema empresarial melhor, que também pense em políticas ambientais que contribuam para a construção de uma sociedade mais sadia e consciente”, afirma Callebe Mendes, CEO e cofundador da Zapay.

ClickBus compensa pegada de carbono

Já no caso da ClickBus, o marketplace compensou a emissão de CO2 em 100% das viagens realizadas pelos seus clientes no dia 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente. A iniciativa faz parte de um movimento estratégico da empresa para que o setor tenha uma agenda mais propositiva em relação à ESG.

“Este é um tema prioritário para nós. Queremos cada vez mais aumentar a conscientização sobre a importância do impacto ecológico nas viagens rodoviárias. Também queremos explorar novas formas de atuar como empresa exemplo em ESG. Fomos os catalisadores da digitalização do setor e agora queremos ser os embaixadores desse tema entre nossos parceiros”, destacou Phillip Klien, CEO da ClickBus.

Para o cálculo da compensação, a Moss realizou um inventário de carbono, ou seja, uma análise das emissões geradas a partir das vendas de passagens do dia, que somaram 4 milhões de km rodados. De acordo com o cálculo feito pela climatech, isso representa mais de 500 toneladas de carbono emitidas. A compensação desse total é equivalente a preservação de um total de 3.364 árvores.

As compensações são feita por meio do MCO2 Token, no qua, cada token MCO2 equivale a um crédito de carbono, uma tonelada de dióxido de carbono que deixa de ser emitido para a atmosfera por iniciativas que fazem parte do mecanismo REDD e REDD+ (redução de emissões por desmatamento e degradação florestal somando à conservação do território).

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store