Coin News

Stablecoin USDD da Tron perde paridade com dólar e Justin Sun acusa a Alameda Research

10 Nov, 20225 min readAltcoins
Stablecoin USDD da Tron perde paridade com dólar e Justin Sun acusa a Alameda Research

Em abril deste ano, a rede Tron lançou o USDD, um token atrelado ao dólar como uma "stablecoin sobrecolateralizada", o que, em tese, significa que sua probabilidade de cair abaixo de US$ 1 deve ser menor devido às garantias execedentes que gantantem sua paridade com a moeda norte-americana.

USDD cai abaixo de US$ 1

No entanto, não foi suficiente para manter o preço do USDD ancorado em US$ 1 em 8 de novembro, quando algumas baleias despejaram mais de 11 milhões de tokens USDD no mercado em troca de exposição nas stablecoins rivais Tether (USDT) e USD Coin (USDC). Um dia depois, o preço do USDD caiu para US$ 0,96, seguido por uma modesta recuperação para US$ 0,98 em 10 de novembro.

A pressão vendedora era visível de forma mais ampla no pool de liquidez do USDD no protocolo DeFi Curve. Em 10 de novembro, o pool estava fortemente desequilibrado, mantendo quase 82,50% em USDD e o restante nas stablecoins USDT, USDC e Dai (DAI).

O fundador da Tron, Justin Sun, especula que a Alameda Research, um fundo de hedge de criptomoedas liderado por Sam Bankman-Fried, pode ser a baleia despejando suas participações em USDD no mercado para evitar tornar-se insolvente. O balanço da Alameda supostamente era composto em 50% pelo FTX Token (FTT), o token nativo da FTX que recentemente caiu mais de 90%.

I think probably Alemeda just sold their USDD to cover the liquidity of ftx exchange. The pool currently is back with a healthy rate. — H.E. Justin Sun (@justinsuntron) November 9, 2022

Eu acho que provavelmente a Alemeda acabou de vender suas participações em USDD para cobrir a liquidez da exchange ftx. O pool atualmente está de volta a uma taxa saudável.

— H.E. Justin Sun (@justinsuntron)

Reservas de garantias mal calculadas

O USDD é emitido pela Tron DAO Reserve (TDR), que também atua como custodiante de suas garantias. O TDR é o principal responsável por vender as garantias para manter a paridade do USDD em casos de pressão vendedora nos mercados.

Em teoria, o USDD parece suficientemente apoiado por um pool de US$ 2 bilhões em garantias em criptomoedas como o Bitcoin (BTC), o Tron (TRX) e o USDC, com as reservas superando o suprimento circulante da stablecoin em mais de 283%.

Mas há um porém.

Atualmente, quase todas as garantias da stablecoin nas carteiras do TDR estão em staking rendendo juros no JustLend, o maior protocolo de empréstimos do ecossistema da Tron por valor total bloqueado (TVL). Enquanto isso, 99% das garantias em TRX estão bloqueadas dentro de um contrato de "governança de staking".

O TDR também parece estar incorreto, incluindo TRX queimado na soma de mais de US$ 725 milhões usados como colateral. No geral, isso deixa a DAO com cerca de US$ 600 milhões em USDC e US$ 236 milhões em BTC em suas reservas liquídas.

Ou seja, um índice de garantias de apenas 113% contra os 283% ostentados.

Preços do BTC e do TRX em queda

A proporção do colateral mantido nas reservas do USDD pode flutuar ainda mais à medida que seus ativos de garantia, BTC e TRX, sofrem quedas de preço.

Notavelmente, o preço do BTC caiu mais de 22% em sete dias, chegando a US$ 16.500 diante do colapso desencadeado pela crise da Alameda-FTX. Por outro lado, o TRX desvalorizou aproximadamente 12% no mesmo período, sendo negociado a cerca de US$ 0,05 em 10 de novembro.

O token Tron agora está abaixo de sua confluência de suporte de longa data, que compreende sua média móvel exponencial de 200 semanas (EMA-200; a onda azul) perto de US$ 0,052 e sua linha Fib de 0,236, perto de US$ 0,055.

Isso pode levar o TRX a um declínio prolongado na faixa de US$ 0,022 a US$ 0,030 (marcada em vermelho no gráfico acima). Essa área foi fundamental como um canal de consolidação de preço entre agosto de 2020 e janeiro de 2021 e de janeiro de 2019 a julho de 2021.

Além disso, serviu como suporte entre fevereiro e novembro de 2018.

Ao mesmo tempo, o Bitcoin entrou na fase de colapso de seu padrão predominante de xícara e alça invertido, e agora está de olho em US$ 14.000 como seu principal alvo negativo.

As opiniões e pontos de vista expressos aqui são exclusivamente do autor e não refletem necessariamente as opiniões do Cointelegraph.com. Cada movimento de investimento e negociação envolve risco, você deve realizar sua própria pesquisa ao tomar uma decisão.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store