Coin News

Rússia permitirá uso de Bitcoin em pagamentos internacionais

5 Sep, 20223 min readBitcoin
Rússia permitirá uso de Bitcoin em pagamentos internacionais

Em julho deste ano, conforme noticiou o CriptoFácil, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, assinou uma lei que proíbe de vez os pagamentos com ativos digitais em todo o país. Contudo, parece que agora o país planeja permitir o uso de criptomoedas, como o Bitcoin (BTC), para pagamentos internacionais.

Foi o que disse o Ministério das Finanças nesta segunda-feira (5). De acordo com o portal local TASS, o banco central russo e o ministério do país chegaram a um acordo de que os pagamentos transfronteiriços com ativos digitais agora são inevitáveis.

Conforme destacou o vice-ministro das Finanças, Alexei Moiseev, ao canal de TV Russia-24, em um futuro próximo será preciso legalizar os acordos globais com ativos digitais. Ele ressaltou, no entanto, que a abordagem sobre regular o mercado cripto segue a mesma:

“Quanto à regulamentação do mercado cripto, a diferença de abordagens permaneceu. Mas eu posso dizer que o Banco Central também repensou [isso] levando em conta o fato de que a situação mudou. Estamos repensando. Isso porque a infraestrutura que planejamos criar é muito rígida para o uso de criptomoedas em acordos transfronteiriços. Claro, que devemos antes de tudo legalizar de alguma forma. Por um lado, dar às pessoas a chance de fazê-lo. Por outro lado, colocar isso sob controle para que não haja lavagem de dinheiro, pagamento de drogas e assim por diante”, disse Moiseev.

Uso de criptomoedas na Rússia

Vale destacar que, até agora, o governo da Rússia, e também o Banco Central do país, não pensava nas criptomoedas como um meio de pagamento.

No entanto, devido à guerra contínua na Ucrânia e as sanções à Rússia por parte de muitos países ocidentais, parece que Moscou mudou de ideia. O país chegou à conclusão que usar criptomoedas para o comércio transfronteiriço pode ser uma alternativa viável.

Ainda segundo Moiseev, a essência da proposta do Ministério das Finanças é que as pessoas tenham carteiras de cripto semelhantes às que agora estão sendo abertas na Internet.

“Agora as pessoas abrem as carteiras de cripto fora da Federação Russa. Então, é preciso que isso possa ser feito na Rússia, e que isso seja feito por entidades sob supervisão do Banco Central, que são obrigadas a cumprir os requisitos da legislação antilavagem de dinheiro e, antes de tudo, é claro, de Conheça seu Cliente [KYC]”, disse o vice-ministro.

As falas de Alexei Moiseev seguem as feitas em maio pelo diretor do Departamento de Política Financeira do Ministério das Finanças da Rússia, Ivan Chebeskov. Ele sugeriu que o alto governo russo já estava pensando no uso potencial de ativos digitais em pagamentos internacionais.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store