Coin News

Resumo da semana cripto: Bitcoin e Ethereum dão sinais de recuperação e Dogecoin dispara com anúncio da compra do Twitter por Elon Musk

30 Oct, 20224 min readAltcoins
Resumo da semana cripto: Bitcoin e Ethereum dão sinais de recuperação e Dogecoin dispara com anúncio da compra do Twitter por Elon Musk

O mercado de criptomoedas finalmente descongelou pela primeira vez em seis semanas consecutivas sem grandes variações. O Bitcoin (BTC) subiu 8% nos últimos sete dias e é negociado acima dos US$ 20 mil nesta manhã de domingo, de acordo com o site CoinGecko. O Ethereum (ETH) teve um rali mais forte, subindo 24% na semana, anotando um preço de US$ 1,6 mil.

Os chamados “matadores de Ethereum” — blockchains de camada 1 com contratos inteligentes de alta funcionalidade — tiveram uma ótima semana, incluindo Cardano (ADA), que subiu 15% e foi para US$ 0,40, Solana (SOL) anotando 17% a mais e indo para US$ 32, Polkadot (DOT) valorizando 11% e batendo US$ 6,60, e a Avalanche (AVAX) ganhando 18%, alcançando a casa dos US$ 18.

Outros ralis notáveis ​​nesta semana incluíram: Ethereum Classic (ETC), que subiu 17% para US$ 25, Litecoin (LTC) ganhando 7% e indo a US$ 55, Uniswap (UNI) subindo 14% e passando para a casa dos US$ 7, Binance Coin (BNB), que após ganhar 11% bateu US$ 300, e Polygon (MATIC) que subiu para US$ 0,90 após valorização de 16%.

Mas quem se destacou na semana foi a mais famosa criptomoeda meme, Dogecoin, a favorita de Elon Musk. O token DOGE explodiu acima de 100% nos últimos sete dias e bateu a casa dos US$ 0,12 (sim, ainda muito abaixo dos US$ 0,72 centavos anotados em maio de 2021) com a notícia de que o CEO da Tesla finalmente fechou o acordo para assumir o Twitter por US$ 44 bilhões.

Para a maior parte do mercado de criptomoedas em alta, podemos apontar tendências macroeconômicas geralmente mais otimistas nesta semana, com o mercado de ações também em crescimento, conforme enormes ganhos relatados por várias grandes empresas.

Mais destaques da semana cripto

Na segunda-feira, o Bitcoin atingiu sua maior dificuldade de mineração de todos os tempos (pela segunda vez este mês) depois de subir 3%. À medida que a dificuldade aumenta, os mineradores podem enfrentar lucros menores se o preço do Bitcoin permanecer inerte, já que mais poder de computação e eletricidade são necessários para minerar. No entanto, o aumento da dificuldade de mineração também indica uma rede forte e crescente.

No Reino Unido, o ex-ministro das Finanças e defensor das criptomoedas, Rishi Sunak, foi eleito sucessor de Liz Truss como chefe de estado e líder do Partido Conservador. Sunak foi o único candidato a receber os votos necessários, e ainda foi brevemente ameaçado na disputa pelo ex-primeiro-ministro Boris Johnson, que acabou desistindo de concorrer no domingo.

O Cash App, de propriedade da Block, anunciou na terça-feira que os usuários agora podem enviar e receber Bitcoin através da Lightning Network. Anteriormente, os usuários do aplicativo só podiam enviar Bitcoin, mas agora também podem usar a rede para recebê-lo.

Na quinta-feira, em meio à aquisição de Musk, o Twitter anunciou que permitirá que os usuários exibam e negociem NFTs por meio de tweets, graças a uma nova parceria com quatro mercados selecionados: Magic Eden, Rarible, Dapper Labs e Jump.trade. O novo recurso NFT Tweet Tiles — que ainda está sendo testado — exibe a arte da NFT em um painel no tweet e inclui um botão para levar os usuários a uma listagem do mercado.

E na sexta-feira, a Binance confirmou que é um investidor em ações (no valor de meio bilhão de dólares americanos) na oferta de aquisição de US$ 44 bilhões de Elon Musk no Twitter. O CEO da exchange, Changpeng Zhao, enviou um e-mail ao Decrypt com esta declaração:

“Estamos empolgados em poder ajudar Elon a realizar uma nova visão para o Twitter. Nosso objetivo é desempenhar um papel na união das mídias sociais e da Web3, a fim de ampliar o uso e a adoção da tecnologia das criptomoedas e blockchain”.

*Traduzido com autorização do Decrypt.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store