Coin News

'Queremos ser a ponte que conecta as empresas e pessoas ao futuro do dinheiro', declara Visa sobre Bitcoin e criptomoedas

5 d ago3 min readBitcoin
'Queremos ser a ponte que conecta as empresas e pessoas ao futuro do dinheiro', declara Visa sobre Bitcoin e criptomoedas

A gigante mundial de pagamentos, Visa, anunciou nesta quinta, 23, que está expandindo seus serviços baseados em Bitcoin e criptomoedas em busca de aumentar sua participação no setor e ampliar sua atuação no Brasil e na América Latina.

Para tanto, a empresa destaca que vem avançando com novas parcerias baseadas em cartão e outras iniciativas que oferecem oportunidades para empresas, governos e consumidores acessarem o futuro do dinheiro digital.

“À medida que mais pessoas e empresas da região vão adotando a inovação cripto, nós da Visa estamos empenhados em ser um parceiro-chave, trazendo a conectividade, a escala, a segurança e as propostas de valor necessárias para que as ofertas cripto cresçam e sejam amplamente aceitas”, disse Romina Seltzer, vice-presidente sênior de Produtos e Inovação da Visa América Latina e Caribe.

Segundo a empresa, o objetivo é agregar valor a todas as formas legítimas de movimento de dinheiro, originadas dentro e fora da rede da Visa. Nesta linha, atualmente a empresa tem diversas parcerias na região, entre elas, os cartões emitidos pela Crypto.com, Alterbank e Zro Bank no Brasil.

“O ecossistema cripto continua ganhando força na região com o aumento dos investimentos, da adoção por parte dos consumidores e dos casos de uso habilitados para cripto, e continuaremos capitalizando nossa forte estratégia para construir o futuro das criptomoedas e dos pagamentos para nossos clientes, parceiros e consumidores", destaca Seltzer.

Além de soluções baseadas em cartão, a Visa oferece recursos de infraestrutura, serviços de consultoria e ferramentas inclusive para criadores de tokens não fungíveis (NFTs).

Ponte conectada com o futuro do dinheiro

A Visa destaca que aumentou significativamente a escala e o escopo de seu trabalho com moedas digitais associando-se a mais de 70 plataformas de criptomoedas do mundo. Além disso, aponta que pretende ampliar as stablecoins suportadas na rede Visa bem como sua participação, junto a Bancos Centrais, no desenvolvimento de CBDCs.

No caso deste último, no Brasil,a Visa foi uma das nove finalistas do LIFT Challenge Real Digital e agora tabalhar para apresentar um protótipo funcional para casos de uso envolvendo a economia digital e a plataforma do Real Digital.

"Queremos adicionar stablecoins lastreadas por moeda fiduciária às demais moedas de liquidação em nossa rede. No momento, estamos trabalhando com parceiros e nos concentrando primeiro na USDC. Além disso, a Visa está colaborando com os bancos centrais para identificar casos de uso atraentes para moedas digitais emitidas por um banco central (CBDCs)", destaca a empresa.

Além disso, a Visa destaca que lançou um novo Programa para Criadores de NFT que busca ajudar artistas, músicos, designers de moda e cineastas que trabalham principalmente com mídia digital a impulsionar seu negócio.

O programa tem duração de um ano e cada um de seus ciclos apoiará um grupo selecionado de microempresários interessados em aprofundar seus conhecimentos acerca da tecnologia e das plataformas que respaldam o comércio de NFTs.

“Pretendemos nos tornar uma ponte que conecta as empresas tradicionais ao futuro do dinheiro e estamos comprometidos a ser líderes em pagamentos baseados em moeda digital e a ajudar os clientes e as instituições financeiras da região, sejam eles existentes ou novos, a aproveitarem essas oportunidades significativas, beneficiando-se e navegando melhor pelas mudanças revolucionárias que estão ocorrendo no setor de pagamentos”, finalizou Seltzer.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store