Coin News

Em plena Copa do Mundo, CBF rompe com corretora que criou token da Seleção Brasileira, diz imprensa

1 h ago3 min readBitcoin
Em plena Copa do Mundo, CBF rompe com corretora que criou token da Seleção Brasileira, diz imprensa

Dois dias após o início da Copa do Mundo do Qatar, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) rescindiu o contrato de patrocínio com a corretora turca de criptomoedas Bitci, que é responsável pela criação do BFT (Brazilian Football Team), o fan token da Seleção Brasileira. As informações são de reportagem do portal Máquina do Esporte publicada nesta terça-feira (22).

De acordo com a reportagem, a CBF não recebe há vários meses os valores combinados com a empresa da Turquia. O acordo para criar a criptomoeda da seleção foi anunciado em 2021 e era válido por três anos.

Além do fan token, a empresa teria o direito de ter exclusividade em parcerias de blockchain com a CBF.

“Junto com a Bitci, temos a oportunidade de alavancar a interação com os fãs da seleção brasileira em todo o mundo. Iremos conectar a paixão pela seleção nacional mais popular do planeta com experiências, conteúdo e benefícios”, afirmou Antônio Carlos Nunes, então presidente da CBF, à época da divulgação do acordo.

Não é o primeiro calote em que a Bitci se envolve. Em fevereiro deste ano, dois clubes de futebol da Europa encerraram seus contratos com a corretora. Os Sporting Lisboa (Portugal) e Spezia (Itália), seguiram a recente decisão da equipe inglesa de Fórmula 1, McLaren Racing, que também encerrou o contrato.

O motivo, segundo publicação do Bloomberg, pode ser a falta de repasses dos valores acordados em contratos de publicidade e patrocínio. No caso do clube português, Sporting Lisboa, a parceria não deu certo por falta de alinhamento estratégico

Fan tokens e Copa do Mundo

O Brazil National Football Team Fan Token (BFT) vale atualmente US$ 0,69, com queda de 9,7% nas últimas 24 horas. A Bitci fez também o token da seleção da Espanha, que vale US$ 0,34 no momento.

Em contraste estão os fan tokens das seleções da Argentina e Portugal, ambos feitos pela Chiliz, maior empresa do mundo de ações de blockchain com equipes esportivas.

O Portugal National Team Fan Token (POR) vale US$ 4,91 (alta de 10%) e o Argentine Football Association Fan Token (ARG) vale US$ 5,22 .

O token do time de Messi sofre uma queda violenta de 22%, claramente motivada pela derrota histórica de 2 a 1 para a Arábia Saudita nesta terça-feira (22).

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store