Coin News

PayPal e Western Union pedem registros de marca ligados a criptomoedas

26 Oct, 20222 min readOther
PayPal e Western Union pedem registros de marca ligados a criptomoedas

Duas gigantes do setor financeiro, PayPal e Western Union, realizaram pedidos de marca registrada para produtos ligados a criptomoedas e metaverso. Curiosamente, ambas aplicações foram feitas na mesma data, 18 de outubro.

No momento, o PayPal já trabalha com criptomoedas, possuindo até mesmo um aplicativo de carteira há mais de um ano. Quanto à Western Union, esta parece interessada em Bitcoin há mais tempo, mas ainda não anunciou nenhum produto ligado ao mesmo.

Portanto, é possível que mais novidades surjam no curto prazo. Afinal, o sucesso do número de usuários de criptos através de bancos digitais é uma grande prova do tamanho deste mercado.

PayPal apresenta pedido de registro de marca ligada a criptomoedas

Na terça-feira passada (18), o PayPal entrou com um pedido de registro de marca nos EUA. Segundo informações de Michael Kondoudis, advogado especializado no tema, o pedido possui ligação com criptomoedas de forma bem ampla.

“Software baixável para envio, recebimento, aceitação, compra, venda, armazenagem, transmissão e troca de moeda digital, criptomoeda, stablecoins, ativos digitais e de blockchain, tokens digitais, e tokens utilitários.”

Seguindo, também podem ser encontradas palavras carteira e serviços de processamento de pagamentos. Entretanto, como mencionado acima, a empresa já trabalha com depósitos e saques de Bitcoin, portanto, mais pode estar por vir.

Segundo o advogado que compartilhou as informações, a aplicação teria relação com o metaverso e NFTs.

Western Union apresenta registro de marca ligada a criptomoedas

Quanto a Western Union, empresa de pagamentos fundada em 1851, a mesma também entrou com pedidos de registro de marca na semana passada, exatamente no mesmo dia em que do PayPal, 18 de outubro.

Segundo informações, tal pedido estaria ligado a criptomoedas, metaverso e também web3, como apontado pela lista abaixo.

  • Gerenciamento de carteiras de moedas digitais;
  • Serviços de troca de ativos digitais, criptomoedas e commodities eletrônicas;
  • Emissão de tokens de valor;
  • Negociação de derivativos de commodities, criptomoedas e ativos digitais para terceiros;
  • Portanto, é possível que a empresa centenária esteja querendo se adequar a era digital do dinheiro que estamos vivendo. Entretanto, mesmo sendo cedo para afirmar que a mesma abrirá uma corretora de criptomoedas, tal aplicação é mais uma afirmação de que o Bitcoin veio para ficar.

    Source

    Subscribe to get our top stories

    Coin News
    App StoreApp Store