Coin News

Oportunidade de comprar Bitcoin com desconto de 50% pode estar chegando chegar ao fim, afirma analista

8 Nov, 20225 min readBitcoin
Oportunidade de comprar Bitcoin com desconto de 50% pode estar chegando chegar ao fim, afirma analista

Dando sinais de que a influência do cenário macroeconômico vem de fato enfraquecendo recentemente, o Bitcoin (BTC) fechou mais uma vela semanal verde no final do domingo, 6, acumulando ganhos de 1,35% em sete dias, enquanto o Índice S&P 500 recuou 3,75% e o Nasdaq, quase 6% na semana passada.

Agora, em seis das últimas oito semanas, o desempenho do Bitcoin mostrou-se superior ao dos principais índices de ações dos EUA.

Além da terceira semana consecutiva de alta, os US$ 20.905 ao final do domingo configuraram o maior fechamento semanal desde 11 de setembro. Nesta segunda-feira, 7, o Bitcoin manteve-se estável, mesmo diante de uma semana cheia de eventos que mais uma vez prometem devolver o preço do BTC à volatilidade que lhe é típica.

Além da divulgação dos dados da inflação dos EUA para outubro na quinta-feira, 10, as eleições de meio de mandato podem inverter a balança de poder no Congresso em favor dos Republicanos, em tese um partido mais amigável às criptomoedas, o que pode ser positivo no longo prazo tendo em vista avanços no campo regulatório.

Enquanto isso, o embate entre os líderes das duas das principais exchanges globais de criptomoedas lançou uma nova sombra no mercado. A ameaça do CEO da Binance, Changpeng "CZ" Zhao, de liquidar as posições da empresa de FTT, o token nativo da FTX de Sam Bankman-Fried, gerou temores de que uma crise de liquidez e insolvência de proporções previamente inconcebíveis possa abalar o mercado justamente no momento em que ele dá sinais de recuperação.

Perspectivas para o Bitcoin

No que diz respeito ao preço do BTC, o suporte de US$ 20.000 parece estar momentaneamente consolidado depois que a região foi retestada diversas vezes desde 26 de outubro e neste embate particular entre touros e ursos, os primeiros mostraram-se mais fortes.

Em uma análise exclusiva para o Cointelegraph Brasil, o analista Diego Consimo, fundador da Crypto Investidor afirmou que o objetivo agora é romper de forma consistente a forte resistência em US$ 21.500 para buscar o próximo alvo de curto prazo:

"No curto prazo, o alvo é U$22.500, mas para alcançar este alvo o preço do BTC precisa romper a resistência em US$ 21.500. Nesse momento os suportes estão entre U$20.500 e U$20.000, conforme destacado no gráfico abaixo."

Gráfico anotado de 4 horas BTC/USDT (Binance). Fonte: Crypto Investidor

O analista da Crypto Investidor destaca que a busca deste novo alvo pode abrir caminho para o que o par BTC/USD atinja níveis que não são vistos desde a alta de julho e agosto:

"Tudo indica que essa semana teremos o cruzamento semanal Bullish da EMA 9 com MA21 que levará o preço do BTC aos alvos de U$25.000 e U$32.000, mas para isso acontecer o par BTC/USD precisa romper a resistência dos U$21.500. A linha de tendência de baixa (LTB) do índice de força relativa (RSI) já foi rompida e o MACD está prestes a entrar em zona de compra."

Os principais alvos a serem observados até o final do ano, segundo Consimo, estão destacados no gráfico abaixo.

Gráfico semanal anotado BTC/USDT. Fonte: Crypto Investidor

Índice do dólar (DXY) prestes

Se a correlação com o mercado acionário está perdendo força, o cenário macroeconômico mais amplo ainda tem um peso importante nos rumos da ação de preço do BTC, especialmente o comportamento do índice do dólar (DXY), que mede a força da moeda norte-americana contra uma cesta de divisas globais.

O comportamento recente do DXY dá margem para que os ativos de risco possam se beneficiar no curto prazo, segundo Consimo:

"O DXY deve confirmar a Divergência Bearish essa semana, mas para isso precisa fechar com o RSI abaixo do fundo anterior. Com esse cenário, teremos um rali de alta no mercado especulativo que irá jogar o Bitcoin e as bolsas americanas para cima."

Gráfico semanal anotado do DXY, com destaque para rompimento da linha de tendência de alta de longo prazo do RSI. Fonte: Crypto Investidor

Desconto de mais de 50% no preço do BTC

Em uma postagem publicada no Twitter em 4 de novembro, o analista Charles Edwards, fundador da Capriole Investments destacou que o preço de mercado atual do Bitcoin está 54% abaixo do seu justo valor energético, atualmente estimado em US$ 43.000.

Apenas em outras duas ocasiões o Bitcoin foi negociado com tamanho desconto em relação ao Valor de Energia (Energy Value), destacou Edwards.

Bitcoin is trading at a -54% discount to its $43K Energy Value today.This level of discount only happened on 2 other days in the last 7 years; the epic 12 March 2020 collapse (Bitcoin $4.8K) and on 7 February 2019 during the last cycle's bear market bottom (Bitcoin $3.3K). — Charles Edwards (@caprioleio) November 4, 2022

O Bitcoin está sendo negociado com um desconto de -54% em seu valor energético atual de US$ 43 mil.

Este nível de desconto só aconteceu em 2 outros dias nos últimos 7 anos; o épico colapso de 12 de março de 2020 (Bitcoin a US$ 4,8 mil) e em 7 de fevereiro de 2019 durante o último ciclo de baixa do mercado (Bitcoin a US$ 3,3 mil).

— Charles Edwards (@caprioleio)

De acordo com a análise de Consimo, a oportunidade de comprar o Bitcoin com descontos superiores a 50% pode estar chegando ao fim. No início da noite desta segunda-feira, o par BTC/USD é negociado a US$ 20.692, de acordo com dados do CoinMarketCap, acumulando perdas de 2,2% nas últimas 24 horas.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store