Coin News

Ministério da Justiça dá curso de criptomoedas para policiais civis

12 May, 20223 min readOther
Ministério da Justiça dá curso de criptomoedas para policiais civis

O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), chegou com seu curso de criptomoedas no Estado de Santa Catarina, apresentando aos policiais civis locais mais detalhes sobre esse assunto que tanto chama atenção nos últimos meses.

Essas capacitações têm sido frequentes desde a retomada de eventos presencias no Brasil, após a pandemia da Covid-19. Segundo o delegado Vytautas Zumas, um dos coordenadores do Núcleo de Operações com Criptoativos (NOC) do MJSP, todas as polícias do país devem ser capacitadas.

Isso indica que o tema das criptomoedas, em um ano em que a regulação avança a passos largos no Congresso Nacional, também é alvo de interesse das forças policias brasileiras.

Ministério da Justiça oferece curso de criptomoedas para policiais civis de Santa Catarina

A Academia da Polícia Civil (Acadepol) do Estado de Santa Catarina, em conjunto com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, promoveu um curso para policiais civis locais. O encontro ocorreu entre terça (10) e quarta-feira (11).

Segundo nota da PCSC, a “Capacitação em Criptoativos” foi feita para que os agentes entendam melhor as demandas judiciais que têm chegado sobre este mercado. Como não há regulamentação específica sobre o setor ainda, o curso visa preencher as lacunas de conhecimento dos policiais a cerca de um assunto novo ainda para muitas pessoas.

Dessa forma, 25 policiais civis receberam o “treinamento sobre técnicas disruptivas de investigação especializada”.

De acordo com o diretor da Acadepol, delegado de polícia André Bermudez, o interesse na tecnologia das criptomoedas tem crescido, sendo este um assunto que acaba despertando o interesse de criminosos para o setor.

Assim, a capacitação busca mostrar ao efetivo policial formas eficazes de combater a criminalidade neste setor, visto que agora eles estão mais preparados. Na América Latina, o Brasil é o país com maior volume de negociações de criptomoedas e muitos investidores conheceram o setor apenas nos últimos dois anos.

Policiais federais recém conduziram operação de combate a golpes no estado

Vale o destaque que a capacitação em Santa Catarina chega em hora oportuna para os agentes. Isso porque, a Polícia Federal derrubou no início de maio um golpe de criptomoedas que estava causando problemas para investidores locais.

Além disso, há outras empresas que estão dando problemas com seus supostos investimentos após captarem recursos de pessoas neste estado.

Ou seja, a nova capacitação chega em um momento em que golpes com criptomoedas estão em alta em Santa Catarina, deixando agora os policiais mais aptos a investigarem esses casos.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store