Coin News

MicroStrategy compra mais bitcoins e é criticada por Peter Schiff

21 Sep, 20223 min readBitcoin
MicroStrategy compra mais bitcoins e é criticada por Peter Schiff

A MicroStrategy é uma das empresas mais conhecidas entre os investidores do criptomercado, principalmente do Bitcoin, sendo uma das consideradas a responsável pelo crescimento da criptomoeda durante 2021.

Em meio a troca de CEO e outras preocupações, a empresa parece ter voltado a confirmar que continua bullish em relação ao bitcoin, até mesmo comprando mais alguns milhões em um momento de queda.

De acordo com formulários preenchidos pela companhia, a MicroStrategy (MSTR) expandiu novamente a sua reserva em Bitcoin, mesmo considerando que pelos últimos meses, praticamente todo o ano de 2022, o preço da moeda não deixou muitos animados.

A Microstrategy revelou que acumulou cerca de 301 bitcoins entre 2 de agosto de 2022 a 19 de setembro de 2022 e as compras foram feitas totalmente em dinheiro.

Os bitcoins foram comprados por US$ 6 milhões ao todo, com cada moeda saindo pelo preço médio de aproximadamente US$ 19.851.

O arquivamento revela que a Microstrategy comprou bitcoins usando dinheiro excedente de seu faturamento, o que indica que parte do orçamento inicial não foi utilizado. Vale ressaltar que a MSTR, incluindo as suas subsidiárias, agora detém cerca de 130.000 BTCs.

A notícia, claro, também foi anunciada por Michael Saylor em seu Twitter.

“A MicroStrategy comprou um adicional de 301 Bitcoins por aproximadamente US$ 6 milhões por um preço médio de aproximadamente US$ 19,851 por Bitcoin. Na data de 09/19/2022 tem um total de 130 mil Bitcoins, comprados por um total de US$ 3,98 bilhões. Média de US$ 30.639 por Bitcoin”

MicroStrategy has purchased an additional 301 bitcoins for ~$6.0 million at an average price of ~$19,851 per #bitcoin. As of 9/19/22 @MicroStrategy holds ~130,000 bitcoins acquired for ~$3.98 billion at an average price of ~$30,639 per bitcoin.— Michael Saylor⚡️ (@saylor) September 20, 2022

Grandes nomes do mercado financeiro criticaram a MicroStrategy

Como é de se imaginar, muitos investidores do criptomercado ficaram animados com a notícia e alguns outros aproveitaram para criticar a empresa, como é o caso de Peter Schiff, conhecido investidor do mercado financeiro e ainda mais por ser um dos maiores críticos do Bitcoin dos últimos anos.

Schiff afirmou que a companhia perdeu parte do seu investimento (comparado com o valor médio de cada Bitcoin comprado), mas que, ao mesmo tempo, ela não pode vender suas reservas porque vai aumentar ainda mais o prejuízo.

“Basicamente a sua companhia já perdeu cerca de US$ 1.5 bilhão (40%) na sua aposta de Bitcoin. No entanto, se você realmente vender, o Bitcoin vai quebrar, enviando as perdas realizadas para valores ainda mais altos. A aventura da MSTR no Bitcoin tem sido um desastre. Os acionistas deveriam vender enquanto podem.”

Basically your company has already lost about $1.5 billion (40%) on your #Bitcoin gamble. However, if you actually tried to sell, Bitcoin would crash, sending realized losses much higher. #MSTR's foray into Bitcoin has been a disaster. Shareholders should sell while they can.— Peter Schiff (@PeterSchiff) September 20, 2022

Enquanto no ano passado uma notícia assim vinda da MicroStrategy teria grandes impactos no mercado do Bitcoin, a criptomoeda continua na mesma das últimas semanas, continuando a tendência, já consolidada, de negociação lateral.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store