Coin News

Mercado reage e criptomoeda ‘disputada pela FTX’ salta 64% enquanto rival supera o Ethereum a poucos dias do The Merge

4 d ago3 min readEthereum
Mercado reage e criptomoeda ‘disputada pela FTX’ salta 64% enquanto rival supera o Ethereum a poucos dias do The Merge

Apresentando alta diária de 2,4%, o mercado de criptomoedas voltou a se aproximar de US$ 1 trilhão na manhã desta terça-feira (6), capitalização de mercado considerada um nível psicológico importante para os desconfiados investidores, já que as notícias macroeconômicas continuam apontando para recessão. No mundo, o preço das commodities e do petróleo aumenta diante de uma China às voltas com uma crise econômica derretendo o lucro líquido de gigantes do setor imobiliário e uma Europa encurralada pelas retaliações da Rússia, que reduziu o fornecimento de gás para o Velho Continente em resposta às sanções econômicas promovidas com os Estados Unidos, que, por sua vez, registrou recuo de 0,2% em seu Produto Interno Bruto (PIB) no último trimestre e deve impor novas altas na taxa de juros para tentar sufocar a inflação crescente.

Olhado com desconfiança por uma parcela de grandes investidores, que liquidaram suas posições nos últimos dias para fugirem dos investimentos de risco, o Bitcoin (BTC) era trocado de mãos por US$ 19,9 mil e apresentava alta de 1%, apesar de novo recuo em sua dominância de mercado, que representava 38,2% de participação.

A poucos dias do The Merge (fusão), o Ethereum (ETH), que deixará de usar o mecanismo de prova de trabalho (PoW) para prova de participação (PoS), era negociado por US$ 1.668 com alta de 6,7%, percentual superado pelo AVAX (+9,2%), transacionado por US$ 20,23, no que diz respeito às maiores altcoin em capitalização de mercado. Neste grupo, com exceção das stablecoins, o BNB era cotado a US$ 282 (+2,88), o ADA valia US$ 0,50 (+3,4%), o XRP estava precificado por volta de US$ 0,33 (+3,8%), o SOL podia ser comprado por 33,19 (+6,1), o DOT equivalia a US$ 7,63 (+2%) e o MATIC era transacionado US$ 0,89.

Por outro lado, outros concorrentes atraíram ainda mais os investidores nas últimas horas, em especial algumas altcoins relacionadas à prova de trabalho. Uma delas era o Ethereum Classic (ETC), que era trocado de mãos por US$ 40,05 e apresentava alta de 26%. Já o FLUX, um protocolo de prova de trabalho minerável por GPU que visa criar uma infraestrutura de nuvem descentralizada e escalável para aplicativos Web3, operava em alta de 18% e estava precificado em US$ 1,32.

Negociado em torno de US$ 0,89, o VGX, token da exchange de criptomoedas falida Voyager Digital, registrava uma alta de 64% nas última 24 horas. O que aponta para uma recuperação semanal de preço do VGX, uma vez que, neste período, o avanço era de 54%, embora o acumulado mensal fosse de 147%.

Gráfico diário do par VGX/USD. Fonte: CoinMarketCap

A alta das últimas horas do VGX coincide com o anúncio da Voyager de que deve devolver US$ 270 milhões de fundos de clientes, além de dizer e que recebeu ofertas de compra 'melhores' do que a da AlamedaFTX, braço de investimentos da exchange de criptomoedas FTX, conforme noticiou o Cointelegraph.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store