Coin News

Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) segue em queda e já perde 13% em uma semana; Corretora FTX tem salto de 1.000% na receita

22 Aug, 20228 min readBitcoin
Manhã Cripto: Bitcoin (BTC) segue em queda e já perde 13% em uma semana; Corretora FTX tem salto de 1.000% na receita

O mercado de criptomoedas inicia a segunda-feira (22) buscando se recuperar do tombo da última semana, quando preocupações macroeconômicas derrubaram ativos de risco. Nas últimas 24 horas, o Bitcoin (BTC) perde 1,4%, cotado a US$ 21.114,04, segundo dados do CoinGecko. O Ethereum (ETH) tem queda de 3,4%, negociado a US$ 1.561,51.

No Brasil, o Bitcoin é negociado a R$ 110.475,93, com recuo de 1,1%, de acordo com o Índice do Portal do Bitcoin (IPB).

As principais altcoins ainda operam no vermelho nesta segunda-feira (22), mas desaceleram o ritmo de perdas, entre elas Binance Coin (-2,1%), XRP (-2,3%), Cardano (-4%), Solana (-3,8%), Dogecoin (-4,5%), Polkadot (-3,2%), Shiba Inu (-2%) e Alavanche (-3,8%).

Bitcoin hoje

Em sete dias, o BTC acumula baixa de 13%, enquanto o ETH mostra queda de 19,6%. Dados de inflação preocupantes na Alemanha, perspectiva de aperto monetário nos EUA e uma possível recessão voltaram a sacudir os mercados globais.

“O fracasso do Bitcoin em ultrapassar US$ 25 mil freou o rali e parece que questões macroeconômicas continuam afetando os mercados”, escreveu Joe DiPasquale, CEO da gestora de criptoativos BitBull Capital, em e-mail ao CoinDesk.

Investidores ficarão atentos aos comentários do presidente do banco central dos EUA, Jerome Powell, que fala na sexta-feira (26) durante o Simpósio de Política Econômica do Federal Reserve Bank de Kansas City, em Jackson Hole, Wyoming.

“Deve trazer mais informações para o mercado. Teremos uma semana de dados econômicos relevantes somada à fala do Jerome Powell, o que realmente deve nos dar mais direção. Serão dias importantes para avaliar o portfólio”, destaca em artigo no Valor Lucas Passarini, especialista em trading cripto do MB.

Fusão Ethereum

Os preços do Ethereum e de tokens não fungíveis (NFTs, na sigla em inglês) vão em direções opostas à medida que investidores apostam na segunda maior criptomoeda antes da esperada atualização de software da blockchain.

O ETH subiu 54% entre 13 de junho e 15 de agosto, segundo dados compilados pela Bloomberg. Em média, os NFTs caíram quase 19% no mesmo período, de acordo com a consultoria NonFungible.

Fabricio Tota, diretor do MB, acredita que a Fusão já esteja precificada. “O que não está precificado ainda é o desenvolvimento futuro. Um sucesso retumbante dessa atualização pode dar mais confiança para o mercado e fazer o preço subir. O fato de a rede se tornar deflacionária também é um outro gatilho pós-Merge que deve impactar no preço”, disse Tota ao Cointelegraph.

Destaques das criptomoedas

A receita da FTX disparou 1.000% com a expansão de sua empresa global de trading, de acordo com informações financeiras auditadas as quais a CNBC teve acesso. A exchange elevou a receita de menos de US$ 90 milhões em 2020 para mais de US$ 1 bilhão no ano passado em meio ao recorde dos preços das criptomoedas.

A Binance criou duas empresas no Brasil nos últimos meses. A maior corretora de criptomoedas do mundo agora tem mais dois CNPJs verde-amarelos — estabelecidos em 21 de junho e 1º de julho deste ano. Além disso, a exchange também se tornou sócia da Wellington Participações, cujo capital social é de R$ 100.

O CEO da Binance, Changpeng “CZ” Zhao, incomodou Sam Bankman-Fried, que comanda a rival FTX, quando alegou em tuíte que “uma corretora específica” praticava “front-running”, jargão para o uso de informações privilegiadas em negociações. Apesar de não citar nomes, CZ curtiu comentários de usuários que insinuaram ser a FTX a empresa à qual o executivo se referia.

Apesar do inverno cripto, há players no setor que aproveitam o momento de baixa para lançar projetos. Num período de dois meses, quase 800 novas criptomoedas começaram a circular no mercado. Até 16 de agosto, a plataforma de dados CoinMarketCap rastreava 20.593 tokens.

O token ALGO acumula desvalorização superior a 73% no acumulado do ano, segundo dados do CoinGecko. A criptomoeda é nativa da Algorand, empresa de blockchain escolhida pela Fifa para patrocinar sua estratégia de ativos digitais durante a Copa do Mundo do Catar. Lucca Benedetti, analista de research do MB, disse ao portal InvestNews que, entre os motivos para o fraco desempenho, estão o baixo uso da rede e programas de incentivos pesados.

Quarenta das maiores empresas do mundo investiram cerca de US$ 6 bilhões em empresas de blockchain entre setembro de 2021 e junho de 2022, de acordo com estudo da Blockdata publicado pelo CoinDesk, que analisou a atividade de investimento das 100 maiores companhias de capital aberto, entre elas a Alphabet, dona do Google.

A plataforma de empréstimos cripto Celsius Network gastou mais de US$ 40 milhões em sua operação de mineração de criptomoedas nas primeiras duas semanas de recuperação judicial, disse o diretor financeiro da empresa, Chris Ferraro, em reunião com credores na sexta-feira (19). A Celsius espera que a unidade comece a dar lucro até janeiro, informou o Wall Street Journal.

Regulação e CBDCs

Nenhum investidor brasileiro foi autuado pela Receita Federal por não declarar criptomoedas no Imposto de Renda, mas advogados consultados pelo Valor acreditam que isso vai mudar 2023. O Fisco está recebendo informações das corretoras e está perto do prazo da prescrição para notificar quem não declarou no ‘boom’ do mercado em 2018.

Na Austrália, o governo anuncia nesta segunda-feira (22) um “mapeamento” do setor de criptoativos do país como um primeiro passo para uma nova regulamentação. A Austrália seria o primeiro país a mapear o número, tipo e código subjacente de criptomoedas disponíveis, de acordo com o jornal The Sidney Morning Herald.

Em editorial publicado no The Wall Street Journal, o presidente da SEC, Gary Gensler, voltou a defender que empresas de criptomoedas “cumpram a lei de valores mobiliários”. “Não há razão para tratar o mercado de criptomoedas de forma diferente do resto dos mercados de capitais, apenas porque usa uma tecnologia diferente”, escreveu.

A Corporação Federal de Seguro de Depósitos (FDIC) dos EUA publicou ordens de “cessação e desistência” para cinco empresas na sexta-feira (19), incluindo uma para a exchange cripto FTX US, sob a acusação de divulgarem informação enganosa a investidores, ao sugerirem que suas contas são garantidas por meio da agência. Os sites Cryptonews.com, Cryptosec.com, SmartAsset.com e FDICCrypto.com também foram instruídos a eliminar essas supostas declarações falsas.

O portal Migalhas organiza nesta segunda-feira (22) um seminário online com o tema “Criptoativos e Blockchain: Uma Visão Jurídica e Econômica”. O evento acontece das 9h às 12h30, e as inscrições devem ser feitas no próprio site do Migalhas.

Cibersegurança

O Ministério Público do Rio de Janeiro deflagrou na sexta-feira (19) uma operação que investiga uma suposta atuação de Glaidson Acácio dos Santos, o fundador da GAS Consultoria conhecido como o “Faraó do Bitcoin”, como operador de um esquema de lavagem de dinheiro com origem em atos de corrupção política no município de Búzios, no Rio de Janeiro.

“Aqui mostro a verdade, sou o terror dos vagabundos”. É assim que se apresenta o perfil “Indicador Enganoso” no Instagram, cujo trabalho atualmente se divide entre operações no mercado financeiro e vendas de produtos físicos na internet. No entanto, o trader, que conversou com o Portal do Bitcoin, ainda encontra tempo para ajudar vítimas de golpes financeiros.

Mais de 50 pessoas se reuniram na Praça Dam, em Amsterdã, no sábado (20) para protestar contra a prisão do desenvolvedor de blockchain Alexey Pertsev, preso em 10 de agosto por suspeita de participação nas atividades do Tornado Cash, serviço de mixagem de criptomoedas sancionado no início do mês por autoridades dos EUA.

Metaverso, Games e NFTs

Em meio à onda vendedora na semana passada, os preços de fan tokens deram um salto depois de a Socios.com receber aprovação regulatória na quinta-feira (18) para operar na Itália. O token do Santos FC, por exemplo, chegou a subir mais de 150% em relação ao valor do dia anterior após o anúncio, para uma máxima de US$ 15, de acordo com dados da FanMarketCap divulgados pelo CoinDesk.

Enquanto isso, dezenas de tokens não fungíveis do Bored Ape Yacht Club comprados com dinheiro emprestado correm risco de serem liquidados, aponta artigo do CoinDesk. A plataforma de empréstimos NFT BendDAO tem quase 3% de toda a coleção Bored Ape sob garantias.

E um relatório da Galaxy Digital publicado na sexta-feira (19) sugere que os projetos de NFTs Bored Ape Yacht Club e Moonbirds teriam “enganado” investidores sobre o que seus direitos de propriedade intelectual de fato significam.

A MCassab apresentou a primeira fábrica de poliuretano do metaverso durante a Feiplar Composites & Feipur 2022, a maior feira de plásticos de alto desempenho da América Latina. Alysson Padovani, head da SMARTPUR®, marca especialista em tecnologias de poliuretanos do grupo, contou à Exame que o objetivo é aumentar o volume de negócios em 30% com a tecnologia blockchain.

A startup de educação Mais1Code e a Crew Labs, empresa de desenvolvimento em Web3, lançaram juntas uma coleção de tokens não fungíveis criada com a colaboração de jovens das comunidades, de acordo com o portal Terra. A chamada “Space Backpackers Crew” pretende retratar as principais características da “quebrada” em diferentes tribos das periferias do Brasil.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store