Coin News

Maior pool de mineração de Ethereum anuncia fim das atividades

22 Aug, 20223 min readMining
Maior pool de mineração de Ethereum anuncia fim das atividades

A Ethermine, maior pool de mineração de Ethereum, anunciou o encerramento de suas atividades dado que não será mais possível minerar Ethereum com placas de vídeo ou ASICs. Com a atualização programada para o dia 15 de setembro, mineradores poderão continuar usando a pool até o último bloco do Proof-of-Work.

Como alternativa, a Ethermine sugere que seus usuários migrem para outras moedas como Ethereum Classic (ETC), Ravencoin (RVN), Ergo (ERGO) ou Beam (BEAM), oferecendo taxa zero durante todo mês de setembro.

Paralelo a isso, a Ethermine está cooperando com as sanções dos EUA ao Tornado Cash, não processando transações ligadas ao mixer. Sendo assim, este é mais um dos tantos serviços nas mãos de autoridades governamentais.

Ethermine se prepara para encerrar atividades

Em comunicado, a Ethermine aponta que a mineração de Ethereum por placas de vídeo ou ASICs não será mais possível a partir do dia 15 de setembro. Sendo assim, a mesma encerrará seus servidores, permitindo apenas o saque de fundos pendentes.

No momento, a Ethermine é a maior pool de mineração de Ethereum, responsável por 28,3% da taxa de hash da rede, mais que o dobro da segunda, a F2Pool, que reúne 13,7% do poder computacional do ETH.

“Como consequência dessa transição, a Ethermine, pool de mineração de Ethereum, mudará para o modo somente retirada assim que a fase de mineração Proof-of-Work terminar”, aponta o comunicado da Ethermine. “Um cronômetro de contagem regressiva preciso estará disponível no painel do minerador. Você pode continuar minerando Ether até que a contagem regressiva chegue a zero.”

Como alternativa, a empresa recomenda que mineradores migrem seus equipamentos para outras quatro criptomoedas, Ethereum Classic (ETC), Ravencoin (RVN), Ergo (ERGO) ou Beam (BEAM). Para agradar seus usuários, a mesma realizará uma promoção durante todo mês de setembro, não cobrando nenhuma taxa na mineração destas quatro.

Sobre o ETHPoW (ETW), possível novo fork do Ethereum, a Ethermine afirma que estudou o caso e que no momento não oferecerá suporte a nenhum deles.

“Após uma avaliação cuidadosa, a bitfly decidiu não oferecer uma pool de mineração dedicada para nenhum dos forks de PoW planejados.”

Ethermine censurando transações do Tornado Cash

No início deste mês, os EUA emitiram sanções ao Tornado Cash, um famoso mixer de criptomoedas que opera dentro do Ethereum. Em outras palavras, tanto pessoas quanto empresas foram proibidos de ter relação com tal mixer.

Dentre os tantos serviços que deixaram de oferecer suporte ao Tornado Cash, como o GitHub, Infura e outros, a Ethermine também juntou-se a lista. Segundo informações, a maior pool de mineração de ETH deixou de processar transações ligadas ao Tornado.

“Ethermine, a maior pool de mineração de Ethereum, parou de incluir transações do Tornado Cash há mais de uma semana.”

Ethermine, the largest Ethereum miner, stopped including Tornado router transactions over a week ago — takenstheorem (@takenstheorem) August 19, 2022

Enquanto alguns usuários reclamaram da posição da empresa, outros notaram que as transações continuaram sendo validadas por outras pools. Ou seja, o Ethereum continuou funcionando como projetado, mesmo com mais de 1/4 da rede rejeitando tais transações.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store