Coin News

Do Kwon projeta reservas de US$ 10 bilhões em BTC para stablecoin UST e planeja ponte para levar Bitcoin à blockchain do Terra

24 Mar, 20224 min readBlockchain
Do Kwon projeta reservas de US$ 10 bilhões em BTC para stablecoin UST e planeja ponte para levar Bitcoin à blockchain do Terra

O CEO do Terraform Labs, Do Kwon, informou em uma série de postagens publicadas no Twitter, na terça-feira, 22, que a Luna Foundation Guard (LFG) já levantou US$ 2,2 bilhões para o fundo de reservas em Bitcoin (BTC) que a entidade pretende criar para garantir a paridade do UST, a stablecoin algorítmica do Terra (LUNA), com o dólar.

No curto prazo, a meta é que as reservas da LFG cheguem a US$ 3 bilhões em BTC, mas no longo prazo a ideia é que a estabilidade do UST seja garantida por US$ 10 bilhões em Bitcoin.

Tanto o LUNA quanto o UST tiveram um crescimento significativo nos últimos 12 meses. Nos últimos 30 dias, o LUNA subiu 90%, e o UST já é a quarta maior stablecoin em termos de capitalização de mercado, com US$ 15,2 bilhões, de acordo com dados do CoinGecko. Por sua vez, o ecossistema DeFi do protocolo é aquele que mais cresceu em 2022 até agora. Atualmente responde por mais de 11% do valor total bloqueado (TVL) em aplicações de finanças descentralizadas.

As intenções do CEO do Terraform Labs dividiram a comunidade do Bitcoin no Twitter. Alguns reagiram com ceticismo, enquanto outros saudaram a possível integração do Bitcoin à rede do Terra. O cofundador e CEO da Blockstream, Adam Back, questionou Kwon sobre a proveniência dos referidos bilhões de dólares que comporão as reservas do UST.

It's not 10B today - as UST money supply grows a portion of the seigniorage will go to build BTC reserves bridged to the Terra chainWe have 3B funds ready to seed this reserve, but technical infrastructure (bridges etc) is still not ready yet.— Do Kwon 🌕 (@stablekwon) March 22, 2022

Não são 10B hoje - à medida que o suprimento de dinheiro do UST cresce, uma parte da senhoriagem irá para construir reservas de BTC conectadas à rede Terra

Temos 3B em fundos prontos para financiar estas reservas, mas a infraestrutura técnica (pontes etc) ainda não está pronta.

— Do Kwon 🌕 (@stablekwon)

Em sua resposta, Kwon mencionou que os US$ 10 bilhões são uma meta de longo prazo. Em seguida, acrescentou que a LFG pretende criar uma “ponte” para transferir as reservas de bilhões de dólares em Bitcoin tokenizados para a rede do Terra, mencionando explicitamente a necessidade de estabelecer uma conexão direta entre as duas redes.

Além disso, o cofundador da Terra também explicou que há 2,2 bilhões já levantados pela Luna Foundation Guard em "BTC ou Tether”, à medida que Back fez novos questionamentos de forma não exatamente amigável. “1B foi levantado recentemente e 1,2B foi levantado pela LFG vendendo UST contra Tether [USDT], restando mais ou menos 0,8B” para completar os US$ 3 bilhões", relatou Kwon.

Fragilidade das stablecoins algorítmicas

O UST atualmente mantém a paridade com o dólar por meio de um algoritmo que queima ou emite unidades de LUNA – a criptomoeda nativa da blockchain do Terra – em função da oferta e da demanda pela stablecoin. Ao contrário de stablecoins centralizadas, como o próprio Tether e o USDC, o UST não mantém reservas em dólares que possam ser resgatados na proporção de 1:1.

De acordo com um artigo científico que tem ganhado ressonância na comunidade cripto, stablecoins algorítmicas como o UST são “frágeis” porque não tem ativos que os respaldem. A criação de uma reserva em Bitcoin para lastrear o UST revela uma disposição dos desenvolvedores do Terra para redesenhar o tokenomics da stablecoin de forma a dirimir a desconfiança que ainda cerca o ativo.

Perguntado por que a LFG tinha escolhido o BTC para constituição das reservas do UST, Do Kwon disse:

"O Bitcoin é o único ativo de reserva de valor difícil que foi testado entre todas as moedas digitais É muito difícil que alguém nesse meio questione o Bitcoin."

Entre as reações positivas acerca das perspectivas de integração do Bitcoin ao ecossistema Terra, o maximalista do BTC e diretor de crescimento e marketing da Kraken, Dan Held, mostrou-se bastante entusiasmado. “Dou boas-vindas a todos os projetos e protocolos que desejam construir com o Bitcoin ou usar o Bitcoin”, comentou Held no Twitter. E acrescentou: “empolgado para ver o que Do Kwon e a comunidade Terra farão.”

O cofundador da Stacks, uma plataforma de contratos inteligentes de código aberto para a rede do Bitcoin, Muneeb Ali comentou a postagem de Held afirmando que "este é o caminho”:

“A comunidade Bitcoin foi receptiva aos desenvolvedores antes de 2016. Podemos fazer o mesmo agora. Os desenvolvedores podem usar o Bitcoin como quiserem, isso só torna o BTC mais forte.”

O Bitcoin pode se beneficiar com uma nova alta, espelhando o rali da semana passada impulsionado pela aquisição de US$ 125 milhões de BTC pela Terra para atingir novas máximas semanais agora, diante da iminência de a LFG adquirir outros US$ 125 milhões em BTC.

Conforme noticiou o Cointelegraph Brasil, uma carteira que se acredita pertencer à fundação responsável pela Terra enviou mais US$ 125 milhões em USDT para a Binance nesta quarta-feira.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store