Coin News

Hacker preso pelos EUA com 50 mil bitcoins se gabava por ser milionário e dizia ser “comedor de baleias”

10 Nov, 20224 min readBitcoin
Hacker preso pelos EUA com 50 mil bitcoins se gabava por ser milionário e dizia ser “comedor de baleias”

O Departamento de Justiça dos EUA (DOJ) tornou público na segunda-feira (07) a maior apreensão de bitcoin já feita pela entidade: 50.676 BTC roubados por um sujeito chamado James Zhong.

Ele conseguiu essa grande enorme quantia de bitcoin — equivalente a US$ 3,3 bilhões quando a apreensão foi realizada —, explorando uma brecha no sistema de saques da Silk Road, um popular mercado negro da dark web.

Zhong conseguiu manter em segredo o ataque, que aconteceu em setembro de 2012, por quase uma década. No entanto, em novembro de 2021, ele teve as criptomoedas confiscadas pelas autoridades americanas durante uma revista em sua casa, localizada na cidade de Gainesville, na Georgia (EUA).

O bitcoin foi encontrado na casa de Zhong armazenado em dispositivos que ele escondia em um cofre subterrâneo e em um computador de placa única que, segundo as autoridades, “estava submerso sob cobertores em uma lata de pipoca guardada no armário do banheiro”.

Além do bitcoin, a polícia também apreendeu no local 25 moedas Casascius — um projeto que quase vingou de bitcoin físico — equivalentes a 174 BTC, mais US$ 660 mil em dinheiro, além de algumas barras de ouro e prata.

Em audiência de sexta-feira (4), James Zhong se declarou culpado de cometer crime de fraude eletrônica e, se condenado, pode pegar até 20 anos de prisão.

Quem é James Zhong, também conhecido como “Loaded”

James Zhong, 32, já é uma figura conhecida no mercado de criptomoedas — mas não pelo seu nome verdadeiro.

Conforme revelou o The Block, James Zhong é “Loaded”, pseudônimo de um bitcoiner que foi bastante ativo no principal fórum de Bitcoin do setor, o BitcoinTalk, entre 2012 e 2017, com 135 postagens feitas na plataforma nesse período.

No BitcoinTalk, Loaded se define tanto como um “comedor de baleias” quanto um “multimilionário de bitcoin, corretor e gestor de ativos”. Para provar que tinha todo o bitcoin que dizia ter, ele assinou uma mensagem na blockchain para evidenciar que era o dono de uma carteira de bitcoin pela qual 80 mil BTC foram transacionados.

Essa carteira em questão (1Bqc…njP), é a mesma que aparece na denúncia do DOJ contra James Zhong, o que confirma que ele era a pessoa por trás do perfil “Loaded”.

Negociação com Roger Ver

Entre as histórias mais curiosas que Zhong protagonizou nos anos em que esteve ativo na comunidade do bitcoin, foi uma aposta que ele tentou firmar com Roger Ver. Antigamente apelidado como o ‘Jesus do Bitcoin’, Ver foi o criador do Bitcoin Cash (BHC), um hard fork do Bitcoin original lançado em 2017.

Em março de 2017, Zhong assinou uma mensagem de uma outra carteira de bitcoin que estava em sua posse e continha 40 mil bitcoins. Nela, ele escreveu: “@RogerVer vamos fazer um acordo, uma troca de 1 por 1. Pelo menos 60k, possivelmente até 130k, meu BTU pelo seu BTC”.

O que ele estava tentando fazer na época era convencer Roger Ver a trocar o bitcoin que tinha por Bitcoin Unlimited, um projeto que surgiu em 2017 com o intuito de melhorar a escalabilidade do bitcoin aumentando o tamanho dos blocos.

Ver estava inclinado a aceitar a proposta de Zhong na época, porém não seguiu adiante com a ideia, como disse ao The Block. “Pelo que me lembro, ele [Zhong] nunca respondeu às minhas DMs na época.”

Por suas postagens no BitcoinTalk, Loaded era visto como uma “lenda” por alguns membros da comunidade, seja por intimar Roger Ver ou por ser um holder de peso de bitcoin, sem interesse de vender a fortuna mantida na criptomoeda.

Como revelado nesta semana, manter parado a reserva de bitcoin pode ter sido mais uma forma de se manter discreto, uma vez que as criptomoedas foram obtidas através de um ataque ao Silk Road.

De acordo com as autoridades americanas, após James Zhong roubar os 50 mil bitcoins, ele espalhou as moedas para uma variedade de endereços separados para impedir a detecção da origem desses fundos na blockchain.

Quer investir em ativos digitais, mas não sabe por onde começar? O Mercado Bitcoin oferece a melhor e mais segura experiência de negociação para quem está dando os primeiros passos na economia digital. Conheça o MB!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store