Coin News

Google passa a aceitar pagamento em criptomoedas no Google Cloud

12 Oct, 20223 min readOther
Google passa a aceitar pagamento em criptomoedas no Google Cloud

A gigante de tecnologia Google anunciou nesta terça-feira (11) que pretende aceitar criptomoedas como meio de pagamento para alguns serviços. De acordo com a empresa, a integração ocorrerá por meio de uma parceria com a exchange Coinbase.

De acordo com o anúncio, a Coinbase fornecerá infraestrutura para que os clientes do Google possam pagar os serviços com criptomoedas. A partir de 2023, o serviço estará aberto para alguns usuários do Google Cloud. Em troca da exclusividade, a Coinbase migrará seus servidores para o Google Cloud.

O acordo envolvendo pagamentos de criptomoedas pode ser um passo significativo na adoção de criptomoedas. De fato, representa uma grande adesão, já que o Google tem presença todas as tecnologias e conta com uma enorme base de usuários.

  • Leia também: Exchange de criptomoedas é multada em R$ 125 milhões por quebrar sanções dos EUA
  • Pagamentos com criptomoedas através da Coinbase

    O anúncio da parceria ocorreu na conferência Cloud Next, realizada anualmente pelo Google. A conferência serve para a empresa anunciar novidades em seus serviços de nuvem. Portanto, trata-se do palco ideal para a confirmação de uma parceria bombástica.

    De acordo com o anúncio, o Google pretende selecionar algumas pessoas entre a base de clientes do Google Cloud. Em seguida, os selecionados receberão nas suas contas a opção de pagamento com criptomoedas.

    O Google não revelou quais criptomoedas pretende disponibilizar como pagamento. Mas é quase certo que as duas maiores do mercado – Bitcoin (BTC) e Ether (ETH) – serão as primeiras a estarem na lista

    Amit Zavery, executivo do Google, disse que este é o primeiro passo, como um teste para a função. Depois que a empresa realizar os ajustes necessários, o Google pretende expandir o recurso para todos os usuários do Google Cloud.

    “O serviço de infraestrutura do Google Cloud Platform aceitará inicialmente pagamentos em criptomoeda de um punhado de clientes no mundo Web3 que desejam pagar com criptomoeda”, disse Zavery.

    Por fim, o executivo acrescentou que o Google experimentou produtos de pagamento com criptomoedas de várias outras empresas antes de se escolher a Coinbase.

    Operações da Coinbase agora no Google Cloud

    Por outro lado, esta pode ser uma grande oportunidade para a Coinbase expandir ainda mais sua base de usuários para instituições. O acordo do Google ocorre em um momento em que a exchange de criptomoedas está ativamente engajada na expansão de operações além dos EUA.

    Ainda na terça-feira, a Coinbase obteve licença para realizar serviços de token de pagamento digital do banco central de Cingapura. Este desenvolvimento no país do sul da Ásia se soma às suas operações ativas em vários países da Europa.

    Graças a esse acordo, a Coinbase disse que agora transferirá suas operações de nuvem do Google para a Amazon. No entanto, Jim Migdal, executivo da Coinbase, disse que a empresa moverá aplicativos relacionados a dados para o Google, como parte do acordo.

    Curiosamente, o Google tem uma postura ambígua com relação às criptomoedas. Aceitá-las como meio de pagamento é um marco, mas a empresa costuma banir anúncios relacionados a este mercado. Por exemplo, a empresa costuma cortar o alcance de vídeos do YouTube que falem sobre criptomoedas.

    Além disso, o Google proibiu anúncios sobre criptomoedas em 2018, no meio do boom dos ICOs. Ou seja, a empresa parece estar mudando de postura e aceitando a revolução trazida pelo BTC.

    Source

    Subscribe to get our top stories

    Coin News
    App StoreApp Store