Coin News

Galaxy Digital divulga exposição de US$ 77 milhões à FTX, US$ 48 milhões provavelmente bloqueados em saques

9 Nov, 20222 min readOther
Galaxy Digital divulga exposição de US$ 77 milhões à FTX, US$ 48 milhões provavelmente bloqueados em saques

Em sua última teleconferência de resultados trimestrais em 9 de novembro, a empresa de serviços financeiros blockchain Galaxy Digital divulgou que tinha uma exposição de US$ 76,8 milhões, consistindo em dinheiro e ativos digitais, na exchange de criptomoedas em apuros FTX. Desse valor, a Galaxy Digital disse que US$ 47,5 milhões estão atualmente em processo de retirada.

No dia anterior, a FTX anunciou que havia interrompido todos os saques após a combinação de uma corrida bancária dos consumidores e um declínio devastador de preços em seu FTX Token (FTT), que a exchange usa como garantia, levou a uma crise de liquidez.

Apesar da situação atual, a Galaxy Digital disse que tem US$ 1,5 bilhão em liquidez, incluindo US$ 1,0 bilhão em dinheiro e outros US$ 235,8 milhões em stablecoins, para amortecer as perdas. Durante o trimestre encerrado em 30 de setembro, o capital dos parceiros da empresa caiu 12% ano a ano, para US$ 1,8 bilhão, citando o cenário de uma capitalização de mercado de criptomoedas em declínio.

A Galaxy Digital obtém sua receita principalmente de taxas de consultoria, taxas de administração, receita de empréstimos, receita de mineração e mudanças no valor justo de investimentos e derivativos. Ano após ano, a receita da empresa caiu 84,9%, para US$ 32,7 milhões no terceiro trimestre. Isso se deve a níveis muito mais baixos de lucro de investimentos de capital em comparação com o mesmo período do ano passado.

No futuro, a empresa planeja concluir sua reorganização e migrar da Bolsa de Valores canadense de Toronto para a bolsa Nasdaq, com sede nos Estados Unidos, no próximo ano. A partir de meados de janeiro de 2023, o copresidente Damian Vanderwilt pretende deixar o cargo e fazer a transição para conselheiro e membro do conselho. De 16 de maio a 24 de outubro, a empresa usou parte de seu dinheiro para recomprar aproximadamente US$ 52 milhões em ações em circulação.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store