Coin News

Futuros de Ethereum têm liquidações excepcionalmente altas

31 Aug, 20225 min readEthereum
Futuros de Ethereum têm liquidações excepcionalmente altas

Os futuros de Ethereum (ETH) acumularam quase US$ 140 milhões em liquidações nas últimas 24 horas, segundo dados da Coinglass. O valor é quase o triplo do registrado pelo Bitcoin (BTC), que costuma ter a maiores liquidações do mercado cripto, no mesmo período – US$ 54 milhões.

As liquidações ocorrem quando uma exchange de criptomoedas força o fechamento de uma posição alavancada de um trader devido a uma perda parcial ou total dos fundos reservados para manter a negociação aberta.

Esse cenário no mercado de futuros do Ether sugere que os traders estão pessimistas em relação ao crescimento de curto prazo do ativo, à medida que concentram sua atenção nos contratos antes da “Merge” (Fusão, em português) do Ethereum, prevista para ocorrer no próximo mês.

A Merge é uma atualização da blockchain do projeto. Em resumo, a alteração mudará o algoritmo de mineração da rede, que passará do modelo atual prova de trabalho (proof-of-work, ou PoW) para uma versão mais ecológica, chamada prova de participação (proof-of-stake, ou PoS).

Os futuros de BTC geralmente têm as maiores liquidações nos mercados de futuros devido à sua popularidade e liquidez. A recente fama do Ether sugere que atualmente há um interesse maior por esse mercado na ausência de um catalisador notável para o BTC. No mês passado, os volumes semanais de negociação à vista do ativo superaram os do Bitcoin pela primeira vez, segundo dados da empresa de pesquisa Kaiko.

A volatilidade do ETH desde 29 de agosto fez o preço do criptoativo passar de US$ 1.420 para pouco mais de US$ 1.600 na manhã da terça-feira (30), seguido por um declínio para US$ 1.472 no final daquele dia. Na manhã desta quarta-feira (31), a moeda digital era negociada a US$ 1.620.

Leia mais:

Alguns analistas apontaram as taxas de financiamento nos mercados futuros como a fonte da volatilidade dos preços. Eles também dizem que as taxas podem levar a um short squeeze. Um short squeeze refere-se a um aumento acentuado de preço que força os traders que venderam um ativo emprestado na expectativa de recomprá-lo a um preço mais baixo – uma estratégia conhecida como shorting, ou venda a descoberto – a fechar suas posições, geralmente levando a um aumento adicional nos preços. Assumir uma posição short em um ativo significa apostar que seu preço cairá.

As taxas de financiamento são pagamentos periódicos feitos pelos traders com base na diferença entre os preços nos mercados futuros e spot (à vista). Dependendo de suas posições abertas, os traders pagarão ou receberão financiamento. Os pagamentos garantem que sempre haja participantes em ambos os lados da negociação. Eles utilizam estratégias sofisticadas para coletar taxas de financiamento enquanto protegem perdas devido a movimentos de tokens.

As taxas de financiamento para futuros de Ether caíram para uma baixa anual de -0,024% em 27 de agosto, disseram analistas da Delphi Digital em um relatório divulgado nesta semana. Níveis semelhantes foram vistos pela última vez em junho de 2021 e seguidos por um short squeeze no mês seguinte, disseram os analistas.

O interesse em aberto em contratos de Ether permaneceu acima de US$ 5 bilhões, disseram os analistas. A maioria “provavelmente estará short, já que as taxas de financiamento ficaram negativas a partir de 14 de agosto”, disseram eles.

Quando as taxas são positivas, os traders de long (posição comprada) – que possuem o ativo – pagam os traders de short (posição vendida). Isso implica que os traders geralmente são bullish (otimistas), pois estão dispostos a pagar a taxa de financiamento para manter suas posições longs abertas. Taxas negativas implicam que os traders são geralmente bearish (pessimistas)

Taxas de financiamento negativas, no entanto, também podem indicar que os traders estão protegendo suas participações de ETH à vista, vendendo o ativo usando futuros. Isso permite que eles protejam as perdas caso o preço do ETH caia enquanto recebem os tokens de um possível fork (bifurcação) do projeto, chamado Ethereum PoW, que pode ocorrer no momento da Merge. As taxas, no entanto, viraram e permaneceram negativas por mais de duas semanas, sugerindo uma demanda mais alta deles para permanecerem short nos contratos de Ether.

O Ethereum PoW é uma possível subdivisão do Ethereum. Como muitos players do mercado não estão contentes com a mudança da rede para PoS, eles propuseram dividir a blockchain principal e manter uma versão de prova de trabalho em funcionamento. Se isso acontecer, os detentores do novo ETH receberão também os criptoativos nativos dessa nova rede, chamados “ETH PoW”.

Alguns traders dizem que mercados de ações mais amplos têm mais impacto nos preços do Ether do que catalisadores técnicos como a Fusão.

“Olhando para os gráficos do Ether e do Nasdaq 100, tem-se a impressão de que pode haver uma forte correlação entre os dois contratos desde o início do ano”, disse Daniel Kostecki, diretor da empresa de serviços financeiros Conotoxia, ao CoinDesk. Ele falou ainda que o sentimento ruim nos mercados de ações tradicionais pode estar impulsionando os preços do ETH mais do que “a antecipação da Merge”.

“Parece que agora pode ser difícil para o Ether e para as outras criptomoedas quebrarem essa correlação”, disse Kostecki.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store