Coin News

Como funciona a negociação com swaps de juros em DeFi

6 d ago5 min readDeFi
Como funciona a negociação com swaps de juros em DeFi

O ecossistema das Finanças Descentralizadas (DeFi) vem crescendo a um ritmo vertiginoso nos últimos anos, com as negociações e empréstimos emergindo como dois pilares mais cruciais. Em relação à negociação, o modelo Automatic Market Maker (AMM), inédito na história financeira, superou as capacidades do modelo de bookers de exchanges e serve agora como um padrão de liquidez on-chain.

Do lado dos empréstimos, os mercados também mudaram de empréstimos peer-to-peer para um modelo peer-to-pool. Está comprovado que o modelo de empréstimo perpétuo que regula as taxas de juros por meio de oferta e demanda é o mais adequado para blockchain, como Compound e Aave, como dois exemplos de protocolos que se destacaram e não apresentaram nenhum problema de segurança, ou mesmo de liquidez nos últimos tempos. Mesmo com os abalos no mercado de criptomoedas e quanto ao modelo de protocolo do Celsius Network, que vive grave crise depois do colapso do LUNA.

No entanto, se um sistema de empréstimos carece de um mecanismo de maturidade, ele deve contar com outras forças para equilibrar oferta e demanda. A carteira de empréstimos aplica a taxa de utilização - mecanismo de controle de feedback da taxa de juros - ou seja, aumenta as taxas de juros quando a oferta fica abaixo da demanda e incentiva o depósito/reembolso; corta as taxas de juros quando a oferta excede a demanda e promove empréstimos/retiradas. Embora o Aave afirme ter uma função de empréstimo a taxa fixa, ainda mantém um mecanismo para aumentar as taxas de juros para empréstimos a taxa fixa. Pode-se dizer que as flutuações das taxas de juros são indiscutivelmente um fenômeno inevitável nos pools de empréstimos perpétuos.

As taxas de juros estão mudando constantemente no DeFi, por isso é impossível fornecer uma lista definitiva de quais protocolos estão oferecendo as melhores taxas de juros. Por exemplo, o Aave está atualmente oferecendo uma taxa de empréstimo incomumente alta no USDT, aumentando o rendimento do valor investido no protocolo.

Uma das maneiras mais fáceis de obter as melhores taxas de juros no DeFi é usar um agregador de rendimento como o Yearn.Finance. Com o Yearn, pode-se depositar suas moedas e o protocolo as moverá automaticamente para capturar as melhores taxas.

O DeFi Rate é outra maneira fácil de encontrar as melhores taxas de juros no DeFi. Apenas lembre-se de que quanto mais novo o protocolo, mais arriscado ele pode ser. Há muito risco de contrato inteligente no DeFi e os hacks são comuns. Outro instrumento importante a se considerar são os swaps de juros.

Os swaps de taxa de juros são um dos contratos de derivativos mais negociados nas finanças tradicionais, que é apenas um acordo entre duas ou mais partes cujo valor é colocado em um ativo financeiro subjacente acordado, como um título ou índice. A introdução de contratos de derivativos no espaço defi ajudará na descoberta de preços de taxas e diminuirá os riscos associados aos empréstimos.

Quais são os benefícios dos swaps de taxa de juros?

Cobertura da taxa de depósitos e empréstimos

Os credores geralmente desconfiam do risco associado à oferta de empréstimos a terceiros. O swap é perfeito quando os credores desejam receber juros garantidos sobre seu depósito, permitindo que os mutuários bloqueiem a taxa de empréstimo. Tanto os credores quanto os mutuários podem entrar em um acordo de swap considerando as diferenças típicas entre as taxas de depósito e de empréstimo.

Perfeito para arbitragem

Os credores podem facilmente bloquear o fluxo de caixa em diferentes vencimentos de instrumentos de renda fixa simplesmente usando swaps.

Ecossistema DeFi confiável

Supõe-se que tanto o mutuário quanto o credor não gostam de incertezas e riscos. Em um swap, cada hedge de depósito corresponde ao hedge de empréstimo, o que significa que o credor pode usufruir de depósitos a taxa fixa e o mutuário pode pagar juros fixos sobre o empréstimo.

Vantagem competitiva

Separar o financiamento de um empréstimo da gestão do risco de taxa de juros por meio de swaps proporciona flexibilidade de preços, geralmente permitindo que os credores sejam mais competitivos.

O conceito de swaps de taxa de juro pode ser novo, mesmo para criptotraders experientes. Isso porque a capacidade de negociar ativamente nos mercados de swaps tem sido historicamente reservada para instituições centralizadas, não para investidores individuais.

No entanto, as taxas de juros flutuantes não são propícias ao planejamento financeiro de longo prazo e ao investimento alavancado. Em particular, a alta volatilidade das taxas de juros no campo DeFi torna os empréstimos com taxas flutuantes extremamente arriscados.

Tome como exemplo a Taxa de Empréstimo Aave USDT no segundo semestre de 2022; a taxa de juros flutua drasticamente e pode subir instantaneamente de 3,73% para 61% em um dia (19 de junho). Um grau tão alto de incerteza dificulta o desenvolvimento do DeFi para uma escala de mercado maior.

Fonte: Aave

Em contraste, a maioria dos mercados de dívida em finanças tradicionais é impulsionada por empréstimos de taxa fixa. Taxas de juros estáveis e previsíveis permitem que os credores/mutuários tenham mais controle sobre suas carteiras de investimentos e estejam dispostos a adotar produtos financeiros mais diversificados e complexos.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store