Coin News

FTX surfa rali das criptomoedas e tem receita de US$ 1 bilhão em 2021

23 Aug, 20222 min readOther
FTX surfa rali das criptomoedas e tem receita de US$ 1 bilhão em 2021

A exchange de criptomoedas do bilionário Sam Bankman-Fried, FTX, registrou US$ 1,02 bilhão em receita no ano passado, saltando 1.000% em relação aos US$ 89 milhões reportados no ano anterior. As informações são da rede americana CNBC, que teve acesso a documentos internos.

Em 2021, a FTX registrou lucro líquido de US$ 388 milhões, acima dos US$ 17 milhões apurados nos primeiros três meses deste ano, mostraram os documentos.

No primeiro trimestre, a FTX registrou US$ 270 milhões em receita e está a caminho de somar cerca de US$ 1,1 bilhão no acumulado do ano, informou a CNBC. Os dados revelam a receita gerada por uma das maiores exchanges de criptomoedas de capital fechado.

A Coinbase, a maior exchange de criptomoedas listada em bolsa, registrou US$ 7,4 bilhões em receita no ano passado, contra US$ 1,1 bilhão em 2020. Mas sua receita trimestral caiu para US$ 803 milhões no segundo trimestre deste ano, com prejuízo líquido de US$ 1,1 bilhão à medida que os volumes de negociação foram drasticamente reduzidos.

A maior parte da receita da FTX em 2021 veio da negociação de derivativos, enquanto cerca de 16% veio de comércio à vista de criptomoedas, segundo a CNBC.

A rede americana também observou que menos de 5% da receita total da FTX no ano passado veio de seus negócios nos Estados Unidos e que a exchange de cripto gastou aproximadamente 15% de suas receitas de 2021 em vendas e marketing.

A FTX se recusou a comentar com a CNBC sobre seus dados financeiros vazados, mas Bankman-Fried endossou a divulgação via Twitter no fim de semana. “Para quem se interessar, os números aqui estão corretos”, tuitou Bankman-Fried no sábado (20), referindo-se à reportagem da CNBC.

A exchange também não respondeu a um pedido de comentário do CoinDesk.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store