Coin News

FTX libera saques para alguns clientes e fecha acordo com Tron para facilitar retirada de tokens

10 Nov, 20224 min readBitcoin
FTX libera saques para alguns clientes e fecha acordo com Tron para facilitar retirada de tokens

Após 48 horas de fundos travados na FTX, alguns clientes da corretora conseguiram sacar criptomoedas da plataforma na tarde desta quinta-feira.

O Coindesk apurou por meio da empresa de análises on-chain Nansen que um cliente da FTX sacou o equivalente a US$ 2,6 milhões em Ethereum (ETH), enquanto outro conseguiu tirar US$ 1,3 milhão da stablecoin USDC. Um total de US$ 6,8 milhões já saiu da corretora até o momento.

Em meio à retomada, a conta oficial da FTX no Twitter comunicou que a empresa fechou um acordo para obter uma linha de crédito da Tron para facilitar saques. Trata-se do projeto blockchain de Justin Sun, um polêmico empresário que mostrou interesse em comprar a FTX após a Binance desistir da aquisição.

“Temos o prazer de anunciar que chegamos a um acordo com a Tron para permitir que os detentores de TRX, BTT, JST, SUN e HT troquem ativos da FTX 1:1 para carteiras externas”, escreveu a corretora, informando que US$ 13 milhões em ativos já serão implantados para facilitar essas trocas.

Segundo a FTX, haverá injeções semanais de crédito na empresa; o valor a ser depositado dependerá de uma série de fatores, como demanda de saque e capacidade de financiamento a ser fornecida pela Tron.

O criador da FTX, Sam Bankman-Fried, saudou o acordo dizendo que “espera que seja apenas o primeiro passo: começando a achar meios de trazer liquidez de volta para os clientes”

We hope this is just step one: beginning to find ways to bring liquidity to users.That is the core thing that I am fighting for right now, and will continue to fight for in whatever ways I can. — SBF (@SBF_FTX) November 10, 2022

Apesar disso, o site da FTX ainda exibe uma mensagem alertando ao usuário que a plataforma ainda não está sendo capaz de processar pedidos de saque e aconselha “vigorosamente” que depósitos não sejam feitos.

Andre Thurman, chefe da divisão de cripto da Nansen, apontou no Twitter que também rastreou a saída de criptomoedas da FTX.

“Ouvindo rumores que a FTX abriu os saques. E parece ser verdade: um endereço conseguiu sacar mais de US$ 2 milhões”, disse o executivo. Logo depois emendou: “Os saques estão aquecendo. Muita gente conseguindo tirar grandes quantias”.

Withdrawals coming in hot now — lots of folks getting out large sums — Andrew T (@Blockanalia) November 10, 2022

Terremoto no mercado

O drama da FTX se desenrola desde o final da semana passada, quando a corretora foi alvo de especulações da insolvência da Alameda Research, braço formador de mercado de Sam Bankman-Fried.

A informação sobre a presença excessiva de tokens nativos FTT no balanço da Alameda fez com que Changpeng “CZ” Zhao anunciasse que a Binance iria vender todos as unidades de FTT da empresa, desencadeando uma corrida dos investidores para tirarem fundos da empresa. Sem liquidez sufiente, a FTX passou a travar saques de clientes.

Diante de uma iminente quebra da corretora rival, CZ anunciou na tarde de terça-feira (8) que havia chegado a um entendimento inicial com SBF para comprar a FTX – um negócio condicionado a um processo de due diligence.

Porém, na quarta-feira (10), a Binance informou que havia desistido da operação de compra da FTX. “No início, nossa expectativa era poder oferecer suporte aos clientes da FTX para prover liquidez, mas os problemas estão além do nosso controle ou capacidade de ajuda”, afirmou a companhia em nota.

A disputa entre as empresas teve efeito devastador no mercado. Durante a madrugada, o Bitcoin caiu para a região de US$ 15 mil pela primeira vez em dois anos.

Procurando uma corretora segura que não congele seus saques? No Mercado Bitcoin, você tem segurança e controle sobre seus ativos. Faça como nossos 3,8 milhões de clientes e abra já sua conta!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store