Coin News

EUA podem apertar o cerco contra o “novo” Ethereum

16 Sep, 20222 min readEthereum
EUA podem apertar o cerco contra o “novo” Ethereum

O presidente da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC), Gary Gensler, sinalizou na quinta-feira (15) que criptomoedas emitidas por redes que usam o consenso de proof-of-stake (PoS) podem ser contratos de investimento e necessitam de regulação. As informações são do Wall Street Journal.

A fala do regulador ocorreu poucas horas após a Fusão da rede Ethereum que proof-of-work (PoW) para proof-of-stake (PoS).

De acordo com a publicação, Gensler disse que o modo como as blockchains que usam o consenso de PoS, que geram novas criptomoedas através do serviço de stake, se assemelha a contratos de investimento. Desta forma, os tokens podem ter que estar sob a alçada da SEC.

Contudo, continua a publicação, Gensler afirmou que não estava se referindo a nenhuma moeda específica, apesar da coincidência com o evento da Fundação Ethereum.

Mudança de sistema

A Fusão (Merge, em inglês) do Ethereum, transição do sistema de consenso proof-of-work (PoW) para o método proof-of-stake (PoS) ocorreu com sucesso na madrugada desta quinta-feira (15).

Trata-se de um dos eventos mais importantes da história das criptomoedas também para o meio ambiente, como pensam ativistas ambientais. De fato, segundo especialistas em mineração, a rede Ethereum agora vai usar menos 99,9% de eletricidade para continuar rodando.

Falando em meio ambiente, a mineração de criptomoedas por meio de PoW é pauta da ONG Greenpeace, que, após a Fusão, também vai reforçar sua campanha contra o código usado na mineração de Bitcoin.

Para intensificar a iniciativa, “Mude o código, não o clima”, lançada no início do ano, a entidade criou uma petição que será enviada para uma grande empresa de investimentos dos EUA, Fidelity, para tentar ganhar seu apoio na campanha.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store