Coin News

Ethereum (ETH) derrete após hacker despejar no mercado tokens roubados da FTX

20 min ago3 min readEthereum
Ethereum (ETH) derrete após hacker despejar no mercado tokens roubados da FTX

O Ethereum (ETH) chegou a recuar quase 8% nesta segunda-feira (21) segundo o CoinGecko, à medida que o hacker que supostamente drenou as carteiras da falida corretora FTX despeja no mercado uma parte significativa do ether roubado e negocia tudo por Bitcoin.

Durante o fim de semana, segundo o rastreador de blockchains PeckShieldAlert, o explorador trocou milhares de ETHs por renBTC, uma forma de Bitcoin empacotado, antes de trocar os tokens resultantes por Bitcoin.

De acordo com dados on-chain do Etherscan, as participações Ethereum no ‘escoamento das contas da FTX’ caíram 26%, de 250.735 para 185.735 no mesmo período.

#PeckShieldAlert FTX Accounts Drainer 0x866e…01a has swapped ~5k $ETH ($5,929,250.00) for 347 $renBTC ($5,798,697.17) — PeckShieldAlert (@PeckShieldAlert) November 20, 2022

No domingo, o Ethereum quebrou para baixo a barreira de US$ 1.200, negociando até US$ 1.118, uma nova mínima semanal para a criptomoeda. Por volta das 10h desta segunda, ETH ensaia uma pequena recuperação, negociado em torno de US$ 1.121. As perdas semanais superam os 10%. Desde o início de 2022, a ETH perdeu quase 75% do seu valor.

Apesar da queda no preço da ETH, o mercado de NFTs baseado em Ethereum permaneceu estável, com o volume de vendas de NFT crescendo mais de 16% alcançando US$ 9,3 milhões nas últimas 24 horas, segundo o Cryptoslam.

E, de acordo com o DefiLlama, o valor total bloqueado (TVL) em todas as aplicações descentralizadas (Dapps) no Ethereum caiu mais de 4% chegando a US$ 23,8 bilhões, e indicando uma redução da atividade DeFi durante o movimento de baixa do mercado.

A Coinglass também destacou que US$ 40 milhões em negociações de futuros da Ethereum foram liquidadas nas últimas 24 horas. Do total das liquidações, a maioria (85,98%) eram operações de longo prazo.

Mercado de criptomoedas perde bilhões

A queda nos valores das criptomoedas se estende como uma das principais consequências do colapso da FTX, levando o mercado a um território perigoso.

Ao longo das últimas 24 horas, o valor total de mercado de todas as criptomoedas caiu mais de US$ 30 bilhões chegando a US$ 832 bilhões, uma queda de mais de 4%, segundo a CoinGecko.

Também com informações da CoinGecko, o Bitcoin (BTC) caiu para uma nova baixa semanal de US$ 15.976 hoje cedo. Depois de conseguir uma recuperação modesta, no momento da publicação do artigo, o Bitcoin está sendo negociado a US$ 16.080, uma queda de 3,6% nas últimas 24 horas.

Quase US$ 71 milhões em posições futuras de Bitcoin foram liquidadas nas últimas 24 horas, de acordo com a Coinglass. Dos US$ 76 milhões liquidados, mais de 90% (cerca de US$ 64 milhões) foram operações longas.

Após o momento de baixa do preço do dia, o Bitcoin caiu mais de 76% de sua alta histórica de US$ 69.044 registrada em novembro de 2021, com a capitalização de mercado caindo de US$ 1,27 trilhão em novembro passado para menos de US$ 308 bilhões hoje.

Outras dez principais criptomoedas também registraram perdas nas últimas 24 horas, como a Dogecoin que baixou 10%, a XRP com queda de 8,9% e a Cardano com 7%.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

Procurando uma corretora segura que não congele seus saques? No Mercado Bitcoin, você tem segurança e controle sobre seus ativos. Faça como nossos 3,8 milhões de clientes e abra já sua conta!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store