Coin News

'Esses níveis são áreas de compra', aponta Bitfinex sobre nível histórico que impulsionou alta de 200% no passado

27 Jul, 20227 min readBitcoin
'Esses níveis são áreas de compra', aponta Bitfinex sobre nível histórico que impulsionou alta de 200% no passado

Embora em sua história o Bitcoin (BTC) por anos foi um ativo não correlacionado com o sentimento dos investidores do mercado tradicional isso mudou desde que o BTC ganhou espaço na carteira e nos produtos dos investidores institucionais.

Portanto, é cada vez mais latente a narrativa de que o preço do Bitcoin é influenciado pelo cenário geopolítico e econômico global.

Desta forma, uma piora na perscepção dos investidores com relação a economia e, como resposta, uma aversão aos ativos de risco, também leva o Bitcoin a perder seu valor de mercado, como vem acontecendo em 2022 com as principais nações do globo lutando contra a inflação em seus territórios.

Contudo, para analistas da Bitfinex, embora o cenário macroeconômico seja pertubador, uma análise nos gráficos aponta que ainda há esperança de uma alta no curto prazo. Para a empresa, a alta pode levar o Bitcoin a testar US$ 29 mil como resistência.

"O RSI suporta uma alta já que ele subiu acima de 50, um sinal de tendência de alta e ainda paira acima da linha de suporte ascendente. Um movimento ascendente contínuo nos levará à próxima resistência mais próxima em US$ 29.000, o nível de resistência de retração de Fibonacci de 0,382", destaca a empresa.

Para justificar sua posição a Bitfinex elenca diversos gráficos que servem de suporte para analisar a tendência da maior criptomoeda do mercado, entre eles o MVRV, no qual os investidores identificam o "valor justo" de um ativo para avaliar se o preço atual de um ativo está supervalorizado ou subvalorizado.

A pontuação MVRV-Z é a razão entre a diferença entre o valor de mercado e o valor realizado, dividido pelo desvio padrão do valor de mercado. Ele mostra por quantos desvios padrão o valor de mercado se desvia do valor realizado.

Bitcoin MVRV-Z

A zona vermelha denota pontos quando o preço do Bitcoin está em um ciclo de mercado superaquecido que eventualmente é seguido por uma queda de preço. A zona verde, por outro lado, indica que o valor de mercado está abaixo do valor realizado.

Para os últimos quatro mercados em baixa, o MVRV-Z Score sinalizou corretamente o fundo. A tabela abaixo mostra o número de dias que o MVRV-Z passou na zona verde antes de iniciar uma alta. A zona verde mostra quando o Bitcoin está “subvalorizado”

Assim como qualquer outra métrica, o MVRV-Z Score não está isento de falhas. Ele não pode prever com precisão o número de dias que o bitcoin deve permanecer na zona subvalorizada antes de corrigir.

Em 2020, ficou subvalorizado apenas por 20 dias e imediatamente iniciou uma alta. Isso foi influenciado massivamente pela situação econômica em que as pessoas venderam em pânico durante a pandemia, o que causou uma queda acentuada no preço do Bitcoin e se recuperou rapidamente assim que o governo começou a imprimir dinheiro em uma forma de cheques de alívio de estímulo.

"A situação não é diferente agora, pois o Bitcoin é novamente impulsionado pelo sentimento macro global. Com certeza, porém, esses níveis são áreas de compra, especialmente para aqueles que planejam mantê-lo no longo prazo" ,destaca a empresa.

Quem está comprando Bitcoin?

Apesar da condição atual do mercado, os 'camarões', ou seja os endereços que possuem entre 0,1 e 2 BTC, estão crescendo em número e desde 2021. Desde meados de junho deste ano, segundo análise da Bitfinex, o crescimento acelerou significativamente.

"Há um enorme pico de 'camarões' que ultrapassaram os níveis do pico do mercado de touros de 2017. Isso é interessante porque com a situação atual do mercado e depois de cair mais de 70% em relação ao pico de novembro de 2021, os 'camarões' estão se comportando como se estivessem na fase de extrema ganância no mercado de alta de 2017", destaca a análise.

Desta forma, segundo a empesa, isso indica que os camarões estão comprando Bitcoin nesta zona desvalorizada com convicção, apesar do medo e incerteza na economia. Desde o final de 2021, há uma tendência de aumento no número de camarões e essa tendência supera a de 2018 a 2021.

"Se os camarões estão acumulando Bitcoin em ritmo acelerado após uma grande queda de seu recorde histórico, quem está vendendo para eles?. É improvável que as baleias descarreguem sua posse de bitcoin, pois o dinheiro inteligente não é vendido durante o medo extremo no mercado. Por isso, vale a pena olhar para o comportamento recente dos mineradores", aponta.

Mineradores impulsionam a baixa e agora a alta

Ribbon Compression

O Ribbon Compression é um gráfico de médias móveis simples na dificuldade de mineração. Ele mostra o impacto da pressão de venda do minerador no preço do Bitcoin. Quando a dificuldade da rede reduz sua taxa de subida, significa que os mineradores estão falindo, deixando apenas os mineradores fortes no jogo.

Os mineradores fortes são eficientes e vendem menos, o que abre espaço para uma ação de alta do preço. Os dados do Ribbon Compression adicionam um desvio padrão para ajudar a determinar os fundos do mercado.

"Dados históricos mostram que valores entre 0,01 e 0,02 sinalizam os fundos. Atualmente, o valor fica em 0,0162, curiosamente inferior aos últimos três fundos do ciclo. Em 2015, tivemos um fundo de mercado de 0,024, o fundo de 2018 estava em 0,019, enquanto o recente mercado de baixa de 2020 tinha um valor de 0,020. Com base nos mercados de baixa anteriores, o valor atual do Bitcoin hash ribbon sugere que o Bitcoin está próximo do fundo", analisa a empresa.

Figura 22. Faixa de Hash Bitcoin

A empresa tambéma ponta que o hash ribbon indicator usa a taxa de hash ou o poder computacional de mineração para determinar se os mineradores atingiram a capitulação. A Capitulação do Minerador acontece quando o custo da mineração é maior que as recompensas.

"No gráfico acima, uma área vermelha clara é mostrada quando a média móvel de 30 dias (verde) cruza abaixo da de 60 dias (azul) e fica mais escura em uma linha de alta. Historicamente, a área vermelha escura é seguida por um forte movimento ascendente", destaca.

A análise também aponta que os detentores de longo prazo estão dando suporte para o preço do Bitcoin no momento e que explorar as métricas deste grupo de investidores ajuda a determinar os topos e fundos dos ciclos do Bitcoin.

Ondas de CAP HODL realizadas para Bitcoin

O gráfico acima mostra que 80% da oferta circulante de Bitcoin é mantida por detentores de longo prazo (LTH), esses são usuários que mantêm bitcoin há pelo menos seis meses.

"Historicamente, os detentores de longo prazo acumulam durante condições difíceis de mercado e também os que obtêm lucros em um mercado em alta. O fundo do mercado de baixa anterior suporta isso, pois cada vez que o mercado atinge o fundo do ciclo, os detentores de longo prazo têm ordens de compra limitadas para dar um forte suporte ao bitcoin", finaliza.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store