Coin News

Decisão da SEC em julho pode tirar Bitcoin 'do buraco' e impulsionar nova alta, diz analista que acertou queda do BTC

22 Jun, 20224 min readRegulation
Decisão da SEC em julho pode tirar Bitcoin 'do buraco' e impulsionar nova alta, diz analista que acertou queda do BTC

Um importante catalizador pode mudar o destino do preço do Bitcoin (BTC) no curto prazo e impulsionar novamente o valor da maior criptomoeda do mercado, a possível aprovação de um ETF spot de Bitcoin, segundo uma análise feita pela Passfolio.

Segundo destaca a empresa, mesmo dentro da SEC, há divergências sobre a aprovação ou não de um ETF de spot Bitcoin.

A Passfolio aponta que a comissária Hester Peirce – também conhecida como “crypto mom” – atacou a SEC por atrasar a aprovação de um ETF de bitcoin spot em seu discurso “Conferência do Projeto de Transparência Regulatória sobre a Regulamentação do Novo Ecossistema Cripto: Regulamentação Necessária ou Inovação Futura Crippling?”.

Ela chamou o bitcoin de “ativo maduro e líquido que atrai investidores de uma ampla gama de origens”, ressaltando que vários outros países já possuem ETFs spot e que futuros e ETFs spot são dois produtos fundamentalmente iguais.

Isso ocorre porque os futuros de bitcoin são precificados usando o mesmo índice que vários ETFs spot propuseram usar como referência. Outro argumento importante foi que a SEC não está protegendo os investidores porque eles podem ganhar exposição ao bitcoin por outros meios de qualquer maneira.

“Na SEC, inclusive, há divergências sobre se um ETF de spot bitcoin deve ser aprovado. O mecanismo de precificação dos contratos futuros usados para lastrear os ETFs atuais e o mecanismo de precificação do bitcoin spot são muito semelhantes, e o bitcoin é um ativo com centenas de bilhões em valor de mercado. É uma questão de tempo até vermos um ETF spot, e a decisão sobre a conversão do GBTC em 6 de julho será essencial para entender qual é o raciocínio que a SEC está seguindo”, afirma David Gobaud, fundador e CEO da Passfolio.

Além disso, a empresa aponta que em um capítulo mais recente de uma batalha entre a SEC e a CFTC, um projeto de lei proposto pelos senadores Cynthia Lummis (R-WY) e Kirsten Gillibrand (D-NY) visa dar à CFTC autoridade sobre os mercados spot de ativos digitais, que imediatamente levou o presidente da SEC, Gary Gensler, a dizer:

“não queremos minar as proteções que temos em um mercado de capitais de US$ 100 trilhões”.

Enquanto isso, o Bitcoin caiu -22,7% na semana entre 13 e 19 de junho, perdendo brevemente a marca de US$ 20.000. No momento da redação deste artigo, os três principais ETFs de Bitcoin dos EUA caíram cerca de -29% na semana, não refletindo os movimentos do fim de semana.

Decisão da SEC em julho pode tirar Bitcoin 'do buraco'

Segundo a empresa, a maior expectativa em torno dos ETFs de bitcoin ainda é a decisão pendente da SEC sobre a conversão do GBTC, prevista para julho.

"À medida que o fundo se aproxima de seu maior desconto no valor patrimonial líquido da história, em -34%, a SEC terá que decidir se vale a pena arriscar um processo de violação da APA e deixar milhares de investidores sofrerem por ter que manter seu dinheiro em menos de estrutura de investimento ideal", destaca a Passfolio.

Ela também frisa que a Grayscale já deixou claro que está pronta para entrar em guerra se a conversão não se concretizar, com o argumento de que não há razão para a SEC aprovar futuros e não detectar ETFs.

Porém, enquanto a decisão não chega, o índice Crypto Fear & Greed Index ainda está em “medo extremo”, com uma pontuação de 9, abaixo dos 11 da semana passada. O Bitcoin caiu para US$ 17.622 no fim de semana, a primeira vez na história “que caiu abaixo da alta do ciclo anterior”, segundo Rakesh Upadhyay.

Analistas apontaram que o bitcoin caiu mais de 80% quatro vezes na história, então a queda atual de -74% está dentro da norma, e os mercados de baixa anteriores chegaram ao fundo logo abaixo da média móvel de 200 dias.

"Isso também destaca um forte argumento a favor dos ETFs de bitcoin - como eles seguem o horário de câmbio, seu preço não está sujeito à maior volatilidade do fim de semana que acontece por causa da menor liquidez", finaliza.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store