Coin News

“Decepcionado”: chefão da Binance critica Terra por colapso de LUNA e elogia Axie Infinity

13 May, 20223 min readBitcoin
“Decepcionado”: chefão da Binance critica Terra por colapso de LUNA e elogia Axie Infinity

Changpeng Zhao (ou CZ), o CEO da Binance, maior corretora de criptomoedas do mundo, expressou seu descontentamento com a forma como o Terraform Labs lidou com o recente colapso de LUNA e da UST, as criptomoedas do ecossistema Terra.

Zhao disse que a equipe responsável pela rede Terra mal se deu ao trabalho de responder à oferta da Binance em ajudá-los a restaurar a rede.

“Pedimos que a equipe restaurasse a rede, queimasse o LUNA extra e recuperasse o lastro da UST”, tuitou ele. “Até agora, não obtivemos uma resposta positiva ou resposta alguma.”

5. I am very disappointed with how this UST/LUNA incident was handled (or not handled) by the Terra team. We requested their team to restore the network, burn the extra minted LUNA, and recover the UST peg. So far, we have not gotten any positive response, or much response at all— CZ Binance (@cz_binance) May 13, 2022

Ele comparou a resposta do Terraform à do Axie Infinity, o projeto que foi hackeado e perdeu US$ 622 milhões em março de 2022, elogiando o jogo pela forma como lidou com o assunto na época.

“Esse é um contraste gritante ao Axie Infinity, em que a equipe tomou responsabilidade, tinha um plano e estava se comunicando conosco de forma proativa”, acrescentou CZ. “E os ajudamos.”

Em 23 de março, Ronin, uma sidechain (blockchain paralela) do Ethereum, desenvolvida para o jogo Axie Infinity, foi invadida.

Hackers conseguiram roubar 173,6 mil ETH e 25,5 milhões em USDC da bridge, resultando em um dos maiores hacks da indústria cripto, resultando na perda de US$ 622 milhões em fundos de usuários.

O colapso do Terra

O ecossistema Terra é composto de um token nativo chamado LUNA e uma stablecoin nativa chamada UST. UST é uma stablecoin algorítmica governada por contratos autônomos, em que LUNA atua como um “colchão” de arbitragem para ajudar a UST a manter seu lastro no dólar.

Usuários poderiam converter US$ 1 equivalente em LUNA por 1 UST e vice-versa. Se o preço da UST subisse acima do lastro, era possível converter US$ 1 em LUNA por 1 UST e vender a UST recém-emitida para gerar lucro.

Porém, desde a semana passada, a UST perdeu seu lastro, atingindo uma baixa recorde de US$ 0,15, segundo dados do CoinMarketCap. A queda drástica no preço da UST resultou em uma enorme oportunidade de arbitragem.

A oportunidade criou uma enorme pressão de venda para LUNA, resultando na perda de 100% do valor da moeda em menos de uma semana. Neste momento, LUNA está sendo negociada a US$ 0,000078 após ter atingido uma alta recorde de US$ 119,18 em abril, de acordo com o CoinMarketCap.

A queda das moedas do Terra resultou no “desligamento” temporário da blockchain Terra. A rede só voltou ao funcionar recentemente.

*Traduzido por Daniela Pereira do Nascimento com autorização do Decrypt.co.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store