Coin News

Dados mostram que as baleias de Bitcoin estão vendendo massivamente seus estoques

31 Aug, 20223 min readBitcoin
Dados mostram que as baleias de Bitcoin estão vendendo massivamente seus estoques

Dados extraídos da Glassnode revelaram que os endereços de Bitcoin flutuaram entre 2 milhões e 2,3 milhões de endereços este ano, mas houve um declínio direto desde julho. Em parte, pela venda expressiva das posições de Baleias de Bitcoin, se desfazendo de suas posições. Contudo, detentores conhecidos como Camarões que são detentores com menos de 1 Bitcoin em suas carteiras, houve um aumento de acumulação, de acordo com dados do ITB.

Fonte: ITB

A diferença na forma como os dois grupos reagiram às mesmas condições de mercado mostra como perceberam a situação e como o momento atual é desafiador para a maioria dos investidores, visto que cada grupo pode ter montado suas posições em faixas de preço diferentes, onde alguns podem ter tido prejuízo, por exemplo quem entrou na alta de US$ 69 mil, ou quem entrou na última alta dos US$ 40 mil. Enquanto outros estão, os menores certamente, estão realizando a compra média por dólar (DCA) ignorando a cotação e montando estoque pensando em um futuro rali.

Para as baleias, a incerteza atual do mercado as forçou a vender suas participações, especialmente quando o presidente do Federal Reserve (Fed) dos EUA, Jerome Powell, prometeu mais "dor" para a economia dos EUA.

No entanto, à medida que agosto avançou, a taxa de acumulação entre baleias começou a diminuir. A incerteza macro global levou muitos grandes detentores a fugirem do risco e venderem suas participações em BTC. Muitos investidores estão antecipando um inverno difícil e procurando obter o máximo de liquidez possível.

As únicas entidades que ainda estocam Bitcoins são os camarões, que continuaram acumulando mesmo quando a maioria dos grandes detentores começou a vender. Julho foi o mês de acumulação mais significativo para os pequenos detentores desde 2018, com os camarões aumentando seu saldo em mais de 60.000 BTC em um único mês. O segundo maior acúmulo foi em dezembro de 2017, quando o Bitcoin atingiu sua maior alta de todos os tempos, quando os camarões acumularam 52.000 BTC em um mês.

No entanto, com o ativo lutando para quebrar a faixa entre US$ 20.000 - US$ 25.000, os camarões identificaram isso como o ponto de entrada ideal.

Baleias de ETH estão rumando para as exchanges

Dados da Santiment indicam que a diferença entre os 10 maiores endereços fora das exchanges e os endereços das exchanges para Ethereum está diminuindo. Nos últimos três meses, os principais endereços de baleias enviaram uma quantidade significativa de ETH para exchanges, já os endereços que não são de exchanges tiveram um declínio de 11%, enquanto os endereços baseados em exchanges tiveram um aumento de 78%.

As baleias estão se posicionando esperando uma suposta queda que pode vir a ocorrer após o Merge e consequente airdrop do token alternativo que deve ser gerado como oposição à migração, proposto pelos mineradores descontentes com a migração de POW para POS.

Atualmente, há sentimentos mistos sobre a migração para PoS e os benefícios potenciais da PoS não substituem a ausência de um limite de oferta e várias mudanças na política monetária ao longo do tempo. Portanto, ainda há muita incerteza em torno do ETH.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store