Coin News

CTO da Tether acusa fundos de hedge de planejarem ataque contra USDT

28 Jun, 20223 min readAltcoins
CTO da Tether acusa fundos de hedge de planejarem ataque contra USDT

O diretor de tecnologia da Tether Limited, Paolo Ardoino, abordou hoje o que chamou de ataques “abertos e coordenados” de alguns fundos de hedge no USDT.

De acordo com Ardoino, os ataques têm como objetivo derrubar a paridade da stablecoin com o dólar.

Nesse sentido, Ardoino afirma que os ataques são uma tentativa de espalhar outra onda de medo no mercado. Algo parecido com o que ocorreu no caso do colapso da stablecoin UST e da rede Terra.

Ataques contra a USDT não terão sucesso

Em um longa discussão no Twitter, Ardoino explica a dinâmica por trás dos “ataques abertos” contra a USDT, que, segundo ele, é coordenado por fundos de hedge que colaboraram para causar danos à liquidez do USDT.

Nesse sentido, os fundos estariam vendendo USDT e fazendo a paridade da stablecoin cair. Em seguida, os fundos recompram a moeda, obtendo lucro nesta arbitragem.

Para realizar esta estratégia, Ardoino acusa os fundos de espalhar notícias falsas. Por exemplo, que as reservas da USDT não são lastreados 100% em dólar, ou que a Tether tem ou já teve exposição a títulos de alto risco, como os das incorporadoras chinesas.

O CTO afirma que essas notícias são falsas e visam causar temor no mercado. Ardoino também observou que a empresa busca aumentar sua transparência e seus “compromissos de eliminar gradualmente a exposição a títulos de alto risco.

A Tether deseja aumentar sua participação em reservas mais seguras, como títulos do governo dos Estados Unidos. Nesse sentido, a empresa reduziu de US$ 45 bilhões para US$ 8,4 bilhões a exposição a títulos de alto risco.

USDT perde espaço

De acordo com o CoinMarketCap, a USDT ainda é a maior stablecoin do mundo em valor de mercado. No entanto, a stablecoin enfrentou problemas e chegou a perder sua paridade com o dólar durante o colapso do mercado.

Ao mesmo tempo, o valor de mercado da USDT tem caído constantemente. Isso indica que tem mais pessoas resgatando suas participações, testando a liquidez da stablecoin.

Por enquanto, a Tether tem honrado com os saques e pago os resgates em dia. Mas os saques cresceram em proporções cada vez maiores. Nos últimos três meses, o valor de mercado da USDT caiu de US$ 82 bilhões para US$ 66 bilhões.

Como resultado, o mercado começou a dar preferência pela stablecoin USDC, emitida pela Circle. A stablecoin foi a única que não perdeu sua paridade com o dólar, e o valor de mercado cresceu de US$ 52 bilhões para US$ 56 bilhões.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store