Coin News

Corretora argentina que demitiu 40% dos funcionários tem dinheiro travado na FTX

25 Nov, 20222 min readBitcoin
Corretora argentina que demitiu 40% dos funcionários tem dinheiro travado na FTX

A corretora argentina de criptomoedas Lemon Cash possui investimentos congelados na quebrada corretora de criptomoedas FTX e já declarou que não possui expectativas de recuperar os valores. A informação é de reportagem da Bloomberg Línea publicada nesta sexta-feira (25) e surge poucas horas após a empresa demitir cerca de 100 funcionários, que representam 38% da força de trabalho. Foram afetados os escritórios do Brasil e da Argentina.

A reportagem também confirma que FTX foi uma das investidoras na Lemon Cash, através do braço de capital de risco FTX Ventures, que colocou dinheiro em uma rodada inicial do tipo Série A.

As informações foram confirmada pelo CEO, Marcelo Cavazzoli, em entrevista ao portal The Block.

O executivo não quis revelar os valores e disse que o serviço Lemon Earn estava usando serviços da FTX e Alameda, mas que todo o dinheiro dentro desse ecossistema foi retirado.

Segundo a reportagem, a exposição da companhia argentina seria em valores – uma quantidade “pequena”, mas não especificada – retida em uma conta na Alameda, o braço formador de mercado da FTX.

Cazolli afirma que o colapso da FTX não teve impacto na empresa e que as demissões já estavam planejadas antes mesmo da quebra da corretora de SBF.

Demissões interrompem expansão

Em entrevista ao portal Infomoney, Marcelo Cavazzoli confirmou que os escritórios da Argentina e do Brasil foram afetados. A Lemon Cash chegou no início do ano ao mercado brasileiro, onde pretendia contratar 60 pessoas até dezembro.

Agora, a expansão da exchange no país será “mais estratégica e de nicho”, afirmou.

Ao The Block, Cavazzoli disse que espera mais demissões entre fintechs na América Latina: “Empresas que não estão se ajustando agora, vão se ajustar quando tentarem captar recursos, digamos, nos próximos 12 meses, 10 meses”, alertou o executivo.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store