Coin News

Conselho do Twitter recomenda aprovação para a venda da rede social, mas Elon Musk volta a pisar no freio

21 Jun, 20223 min readOther
Conselho do Twitter recomenda aprovação para a venda da rede social, mas Elon Musk volta a pisar no freio

Em documento publicado nesta terça-feira (21) pelo Securities and Exchange Commission (SEC), a comissão de valores mobiliários dos Estados Unidos, o conselho administrativo do Twitter formalizou aos acionistas um pedido de aprovação da proposta feita em abril pelo CEO e fundador da Tesla e da SpaceX Elon Musk para assumir o controle da gigante rede social ao preço de US$ 44 bilhões, US$ 54,20 por ação.

Em entrevista ao editor-chefe da Bloomberg News, John Micklethwait, no Fórum Econômico do Catar, em Doha, o bilionário falou que uma recessão mundial é inevitável e voltou a dar como incerta a compra da plataforma alegando a existência de “algumas questões não resolvidas”, no caso a relação da quantidade de bots automatizados e perfis falsos existentes no Twitter, objeto de farpas recentes entre o magnata e os representantes da plataforma. O empresário também colocou a aprovação dos acionistas como uma das condições para que o negócio seja concluído.

Se a fusão for concluída, você terá direito a receber US$ 54,20 em dinheiro, sem juros e sujeito a quaisquer impostos retidos na fonte aplicáveis, para cada uma de nossas ações ordinárias de sua propriedade (a menos que tenha exercido adequadamente seus direitos de retirada). Esse valor constitui um prêmio de aproximadamente 38% em relação ao preço de fechamento de nossas ações ordinárias em 1º de abril de 2022, que foi o último dia de negociação completo antes de Musk divulgar sua participação de aproximadamente 9% no Twitter.O Conselho de Administração do Twitter, após considerar os fatores descritos mais detalhadamente na declaração de procuração anexa, por unanimidade: (1) determinou que o acordo de fusão é aconselhável e que a fusão e as demais transações contempladas pelo acordo de fusão são justas, aconselháveis ​​e nos melhores interesses do Twitter e seus acionistas; e (2) adotaram e aprovaram o contrato de incorporação, a incorporação e as demais operações previstas no contrato de incorporação.O Conselho de Administração do Twitter recomenda unanimemente que você vote:(1) “PARA” a adoção do acordo de fusão;(2) “PARA” a remuneração que será ou poderá vir a ser paga pelo Twitter aos seus diretores nomeados em conexão com a fusão; e(3) “PARA” o adiamento da assembleia extraordinária, de tempos em tempos, para data ou datas posteriores, se necessário ou apropriado, para solicitar procurações adicionais se não houver votos suficientes para adotar o acordo de incorporação no momento da assembleia extraordinária, diz o documento.

No outro lado das negociações, Elon Musk, além de reafirmar que pode desistir da compra do Twitter, acusado por ele de esconder informações, também foi taxativo em relação à sua perspectiva de recessão mundial e reconheceu que o momento é de desaceleração, inclusive em algumas áreas de expansão da Tesla, que, segundo ele, terá um corte de 10% em sua mão de obra assalariada nos próximos três meses.

Nol rol dos apoiadores da possível compra do Twitter por Elon Musk está o CEO da maior exchange de criptomoedas do mundo mundo, Changpeng Zhao, o CZ, que condicionou o apoio dele ao comprometimento de Musk. Na ocasião, CZ também fez uma avaliação do atual momento do mercado de criptomoedas, conforme noticiou o Cointelegraph Brasil.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store