Coin News

Compre o fundo do Bitcoin, ou assista e espere? Traders do BTC traçam suas estratégias

4 d ago5 min readBitcoin
Compre o fundo do Bitcoin, ou assista e espere? Traders do BTC traçam suas estratégias

O Bitcoin (BTC) enfrentou uma correção de 9% nas primeiras horas de 19 de setembro, quando o preço caiu para US$ 18.270. Embora o preço tenha se recuperado rapidamente acima de US$ 19.000, esse nível foi o preço mais baixo visto em três meses. No entanto, os traders profissionais mantiveram suas posições e não se mostraram inclinados a assumir as perdas, conforme medido pelos contratos de derivativos.

Identificar a lógica por trás do crash é extremamente difícil, mas alguns analistas dizem que a entrevista do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, no programa "60 Minutes" levantou preocupações sobre uma guerra global. Ao responder se as forças dos EUA defenderiam Taiwan no caso de uma invasão liderada pela China, Biden respondeu: "Sim, se de fato houver um ataque sem precedentes".

Outros citam o comportamento do Banco Central da China, que reduziu o custo dos empréstimos de acordos de recompra reversa de 14 dias para 2,15% de 2,25%. A autoridade monetária mostra sinais de fraqueza nas atuais condições de mercado ao injetar mais dinheiro para estimular a economia em meio à pressão inflacionária.

Também há a pressão da próxima reunião do Comitê do Banco Central dos EUA (Fed) em 21 de setembro, que deve aumentar as taxas de juros em 0,75%, à medida que os bancos centrais lutam para aliviar a pressão inflacionária. Como resultado, os rendimentos dos títulos do Tesouro de 5 anos subiram para 3,70%, o nível mais alto desde novembro de 2007.

Vamos analisar os dados de derivativos de criptomoedas para entender se os investidores profissionais mudaram de posição depois que o Bitcoin caiu abaixo de US$ 19.000.

Não houve impacto nas métricas de derivativos do BTC durante a queda de 9%

Os traders de varejo geralmente evitam futuros trimestrais devido à diferença de preço dos mercados à vista, mas estes são os instrumentos preferidos dos traders profissionais porque evitam a flutuação das taxas de financiamento que geralmente ocorre em um contrato de futuros perpétuos.

O indicador deve ser negociado a um prêmio anualizado de 4% a 8% em mercados saudáveis para cobrir os custos e riscos associados. Assim, pode-se dizer com segurança que os traders de derivativos mantiveram-se entre neutros e baixistas nas últimas duas semanas, já que o prêmio dos futuros de Bitcoin ficaram abaixo de 2% o tempo todo.

Mais importante, o abalo de 19 de setembro não causou impacto significativo no indicador, que está em 0,5%. Esses dados refletem a relutância dos traders profissionais em adicionar posições vendidas alavancadas (baixistas) nos níveis de preços atuais.

Deve-se também analisar as opções de Bitcoin para excluir externalidades específicas dos contratos futuros. Por exemplo, a inclinação do delta de 25% é um sinal revelador quando os formadores de mercado e as mesas de arbitragem estão cobrando demais por proteção para cima ou para baixo.

Nos mercados de baixa, os investidores de opções dão chances mais altas para quedas de preço, fazendo com que o indicador de inclinação suba acima de 12%. Por outro lado, as tendências de alta tendem a levar o indicador de inclinação abaixo de 12% negativos, o que significa que as opções de venda estão em desconto.

A inclinação do delta de 30 dias estava perto do limite de 12% desde 15 de setembro e sinalizou que os operadores de opções estavam menos inclinados a oferecer proteção contra perdas. O movimento negativo do preço em 19 de setembro não foi suficiente para derrubar essas baleias, e o indicador atualmente está em 11%.

O fundo pode estar formado, mas vai depender dos obstáculos macroeconômicos globais

As métricas de derivativos sugerem que a queda de preço do Bitcoin em 19 de setembro era parcialmente esperada. Isso explica por que o suporte de US$ 19.000 foi recuperado em menos de duas horas. Ainda assim, nada disso importará se o Banco Central dos EUA (Fed) aumentar as taxas de juros acima do esperado ou se os mercados de ações entrarem em colapso ainda mais profundo devido à crise energéticas e às tensões geopolíticas.

Portanto, os traders devem examinar continuamente os dados macroeconômicos e monitorar a atitude dos bancos centrais antes de tentar cravar o fundo do recente mercado de baixa. Atualmente, as chances de o Bitcoin testar preços abaixo de US$ 18.000 permanecem altas, especialmente considerando a fraca demanda por posições alavancadas compradas em futuros de BTC.

As opiniões e pontos de vista expressos aqui são exclusivamente do autor e não refletem necessariamente as opiniões da Cointelegraph. Cada movimento de investimento e negociação envolve risco. Você deve realizar sua própria pesquisa ao tomar uma decisão.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store