Coin News

CoinMarketCap lança rastreador de prova de reserva para exchanges de criptomoedas

27 min ago2 min readOther
CoinMarketCap lança rastreador de prova de reserva para exchanges de criptomoedas

A CoinMarketCap, pesquisadora de mercado e rastreadora líder na indústria de criptomoedas, anunciou o lançamento de um novo recurso em sua plataforma que fornece aos usuários informações financeiras atualizadas sobre as exchanges.

O rastreador de prova de reservas (PoR) audita exchanges de criptomoedas ativas no setor para transparência na liquidez em um determinado momento. De acordo com o anúncio, o rastreador detalha o total de ativos da empresa e seus endereços de carteira pública afiliada, juntamente com os saldos, preço atual e valores das carteiras.

O CoinMarketCap informa que os rastreadores PoR atualizarão os dados a cada cinco minutos. Em 22 de novembro, a empresa twittou um guia para os usuários sobre como navegar na ferramenta.

NOVO Recurso #CMC: Prova de Reservas de ExchangeA prova de reservas (PoR) fornece transparência às reservas de #criptomoeda por meio de uma prática de auditoria verificável.— CoinMarketCap (@CoinMarketCap) 22 de novembro de 2022

No tópico de cinco partes do Twitter, a Binance foi dada como um exemplo inicial com mais de US$ 65 bilhões listados em seus endereços de carteira combinados. Exchanges adicionais com informações PoR disponíveis incluem KuCoin, Bitfinex, OKX, Bybit, Crypto.com e Huobi.

O CEO e cofundador da Binance, Changpeng “CZ” Zhao retuitou o desenvolvimento do CoinMarketCap com um link para a página da Binance. Alguns na comunidade cripto no Twitter chamaram esse recurso de “grande adição de transparência”.

CZ foi um dos primeiros a se comprometer a fornecer prova de reservas após a crise contínua de liquidez e falência da FTX.

Em 10 de novembro, publicou um comprovante de ativos, que incluía endereços de carteira e atividades. CZ então twittou que o que está disponível agora é apenas a primeira iteração do que estará disponível via Merkle Tree PoR em um futuro próximo.

Seguindo o exemplo da Binance, muitas outras plataformas no espaço começaram a divulgar suas reservas financeiras e informações de liquidez em um esforço de transparência. Chainlink Labs, Bitfinex e Bybit foram algumas das primeiras a apresentar seus próprios dados.

No entanto, o prestador de serviços de produtos de investimento em criptomoeda Grayscale reteve seu PoR on-chain devido ao que diz serem preocupações de segurança. Ele divulgou uma carta da Coinbase Custody que verificava que os ativos cripto da Grayscale são totalmente respaldados, mas com endereços de carteira retidos.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store