Coin News

Brasileiro dono de banco é sequestrado e obrigado a transferir bitcoins

26 Oct, 20223 min readBitcoin
Brasileiro dono de banco é sequestrado e obrigado a transferir bitcoins

Um brasileiro dono de um banco digital em Recife (PE) foi sequestrado por uma quadrilha de criminosos em 10 de março de 2021, perdendo 4,78 bitcoins após graves ameaças contra sua vida.

O caso segue sendo apurado pela Polícia Civil e Ministério Público de Pernambuco, que denunciaram dez pessoas pelo envolvimento com o crime.

Durante a ação, os criminosos pediram 100 bitcoins como resgate para a vítima, que amarrada não tinha o valor para pagar. Graves ameaças foram realizadas contra sua esposa e filha também, sendo que as negociações avançaram.

Em dado momento, os criminosos diminuíram o pedido para 50 bitcoins e continuavam com graves ameaças. Após extensa negociação, o valor do resgate caiu para 6 bitcoins, quando o diretor do banco digital sofreu uma agressão do líder do sequestro.

Brasileiro dono de banco digital perde 4,8 bitcoins em sequestro

Na ocasião, em março de 2021, o bitcoin passava por uma de suas maiores altas da história e sua cotação alcançava valores em Real acima de R$ 300 mil por unidade.

Assim, um grupo criminoso abordou um diretor de um banco digital de Recife, ciente de todos os detalhes de sua vida pessoal e profissional, realizando então graves ameaças contra membros de sua família.

Após a negociação entre as partes indicar que 6 bitcoins deveriam ser o valor de resgate, o diretor disse aos sequestradores que ligaria para seu sócio, confessando que estava sendo sequestrado para que ele liberasse o valor solicitado.

Nesse momento, um quarto membro do grupo foi acionado e, se apresentando como chefe do sequestro, lhe deu um soco na boca que lhe quebrou dois dentes. A vítima, atordoada e sangrando, ligou para seu sócio, que começou a transferir valores para a carteira dos sequestradores, totalizando 4,78 bitcoins enviados aos sequestradores.

Vítima passa por terapia

No trecho do processo ao que o Livecoins teve acesso, a vítima saiu do episódio com graves problemas psicológicos, passando por terapia, médicos e outros profissionais de saúde, já gastando mais de R$ 100 mil para se recuperar do trauma.

Após o episódio, os criminosos foram identificados pela investigação e bens deles foram apreendidos em operações da polícia civil, como veículos de luxo. A justiça avaliou que os danos morais sofridos pela vítima devem ser pagos solidariamente pelos 10 criminosos identificados, no valor de R$ 250 mil.

Em rastreio aos bitcoins roubados, nenhum valor foi encontrado, visto que a organização conseguiu pulverizar o valor em plataformas pela internet no exterior.

Além disso, todos os bens que foram apreendidos devem ser leiloados para que o valor fique em moeda fiduciária, resguardando o valor para devolução a vítima. Nesta quarta-feira (26), a Justiça de Pernambuco entregou os autos de sua recente decisão ao promotor que cuida do caso.

Para preservar a identidade dos criminosos e das vítimas, assim como da empresa alvo, os nomes não serão divulgados.

Vale lembrar que investidores de bitcoin no Brasil têm sido vítimas de quadrilhas especializadas nestes roubos. Dessa forma, é importante evitar comentar sobre o assunto em público, assim como ostentar investimentos em redes sociais.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store