Coin News

Bitcoin sustenta os US$ 23 mil após completar duas semanas de alta; altcoins recuam

1 Aug, 20223 min readAltcoins
Bitcoin sustenta os US$ 23 mil após completar duas semanas de alta; altcoins recuam

Após chegar a marca de US$ 24.500 durante o fim de semana, o Bitcoin (BTC) perdeu um pouco de força e nesta segunda-feira (1) volta a ficar abaixo de US$ 24 mil. O Ethereum (ETH), por sua vez, se mantém próximo de US$ 1.700.

O Bitcoin registrou sua segunda semana positiva consecutiva, subindo mais de 13% em relação à mínima de segunda passada em meio a sinais esperançosos de que a economia estava desacelerando o suficiente para o Federal Reserve considerar em breve reduzir os aumentos das taxas de juros.

Na quarta-feira, o Fed aumentou as taxas de juros em 75 pontos base, em uma decisão amplamente antecipada pelo mercado. Um dia depois, o Departamento de Comércio dos EUA informou que o Produto Interno Bruto (PIB) caiu inesperadamente 0,9% no segundo trimestre.

“O Fomc, alguns ganhos de tecnologia e os números do PIB realmente não prejudicaram a confiança do mercado na semana passada”, afirmou Joe DiPasquale, CEO da gestora de ativos cripto BitBull Capital, ao CoinDesk. “O BTC estava mostrando sinais positivos em termos de estabilidade de preços e com compradores abaixo de US$ 20 mil. Todas essas coisas resultaram em uma espécie de rali, vendo o BTC sendo negociado quase em US$ 25 mil”.

Os ganhos das criptomoedas na sexta-feira seguiram também os principais índices de ações, com o Nasdaq e o S&P 500 subindo 1,8% e 1,4%, respectivamente. Ambos os índices tiveram alta em julho, com o último ganhando mais de 9% no mês, seu maior aumento desde novembro de 2020.

Entre as altcoins o movimento é predominantemente negativo nesta segunda, mas com algumas exceções, caso da Polkadot (DOT), que avança mais de 7% nas últimas 24 horas, enquanto a Shiba Inu (SHIB) tem ganhos de pouco mais de 1%.

  • Assista: Vale a pena comprar Ethereum em meio à expectativa de atualização?
  • Tiffany lança colares CryptoPunk

    A marca de joias de luxo Tiffany and Co. está inserindo produtos de diamante na coleção de tokens não fungíveis (NFTs) CryptoPunks.

    A empresa está vendendo 250 colares personalizados com pingentes incrustados de diamantes por 30 Ethereum, equivalente a cerca de US$ 50 mil, para os detentores da famosa coleção. De acordo com o site da Tiffany, cada colar incluirá uma combinação de 30 diamantes e pedras preciosas.

    Os colares estarão à venda a partir de 5 de agosto e estarão disponíveis apenas para os detentores de CryptoPunk na forma de NFTs resgatáveis pelos colares físicos. A Tiffany terá um lucro líquido de mais de US$ 12 milhões com a venda, podendo lucrar ainda mais com royalties de revenda.

    Source

    Subscribe to get our top stories

    Coin News
    App StoreApp Store