Coin News

Bitcoin e Ethereum caem 5% e Solana recua 10% sob medo de contágio por crise na FTX; token da corretora já desaba 40%

8 Nov, 20224 min readBitcoin
Bitcoin e Ethereum caem 5% e Solana recua 10% sob medo de contágio por crise na FTX; token da corretora já desaba 40%

Apesar do dia cercado de incertezas nos Estados Unidos pela eleição de meio de mandato desta terça-feira (8), o mercado de criptomoedas segue movimentado por fatos próprios do setor. Após queda na volatilidade nos últimos dias, Bitcoin (BTC) e Ethereum (ETH) enfrentam pressão de venda nas primeiras horas do dia

O recuo se dá em meio à crise que se agrava com o token FTT, emitido pela corretora de criptomoedas FTX. A moeda caiu para a mínima de quase dois anos por conta de preocupações persistentes acerca da saúde financeira das empresas FTX e Alameda, que pertencem ao bilionário americano Sam Bankman-Fried.

Às 7h, o BTC era negociado em queda de 4,6%, a US$ 19.780, e o ETH operava em baixa de 5%, a US$ 1.490. Entre as demais criptos com maior valor de mercado, os piores desempenhos são de Dogecoin (DOGE), que segue fraca após o Twitter abandonar planos de carteira cripto; e a Solana (SOL), que tem fortes laços com FTX e Alameda, suas principais patrocinadoras. Ambas recuam 10% nas últimas 24 horas.

Considerando o espectro mais amplo das 100 maiores criptos por valor de mercado, entretanto, a queda de hoje é puxada em larga margem pelo FTT, que amarga perdas de 19% desde ontem, e 40% desde que a polêmica em torno do receio de insolvência de FTX e Alameda começaram.

Investidores seguem receosos de que a crise de confiança pela qual passam as empresas possa levar ao colapso da criptomoeda de modo semelhante ao que aconteceu com as criptos do projeto Terra (LUNA).

Leia também

FTX insolvente?

Investidores temem que token da FTX reprise caso Terra (Luna) após polêmica com balanço patrimonial

Crise se instalou após vir à tona que o patrimônio das empresas irmãs FTX e Alameda seria composto em sua maioria por cripto própria

“Vimos uma demanda renovada por proteção contra quedas após a avalanche de notícias negativas relacionadas ao FTT”, disse Patrick Chu, diretor de vendas institucionais e negociação da plataforma de tecnologia de derivativos cripto Paradigm.

Uma opção de compra (call) dá ao comprador o direito, mas não a obrigação, de comprar o ativo subjacente a um preço predeterminado em ou antes de uma data específica. Uma opção de venda (put) dá o direito de vender. A tendência na balança de opções de call e put, portanto, indica se o mercado espera por mais quedas ou altas pela frente.

“A diferença [entre calls e puts] de curto prazo, em particular, mudou a favor das opções de venda, pois vimos proteção negativa no BTC e no ETH com forte demanda por vencimentos no final de novembro/dezembro”, acrescentou Chu.

A controvérsia em torno do balanço patrimonial da Alameda começou na semana passada depois que o CoinDesk informou com exclusividade que a empresa de negociação cripto detém grandes quantidades de tokens da FTX bloqueados ou ilíquidos, revelando uma relação incomumente próximas entre as companhias.

Desde então, o FTT caiu 40% e a bolsa registrou retiradas de clientes em ritmo e volume considerados alarmantes. Só de stablecoins, segundo dados da Nansen, foram US$ 451 milhões sacados da FTX para outras exchanges em uma semana. Atualmente, a corretora tem um saldo de US$ 59,2 milhões em USDC e US$ 28,5 milhões em USDT, juntamente com US$ 8,6 milhões de BUSD.

O principal beneficiário foi a Binance, que registrou entrada de US$ 411 milhões em stablecoins na última semana, com um saldo atual de US$ 26,7 bilhões. O CEO da Binance, Changpeng Zhao, disse no domingo (6) que planeja liquidar qualquer FTT restante nos cofres da Binance, mas dados consultados em blockchain sugerem que a liquidação sequer começou.

Veja as principais notícias do mercado cripto desta terça-feira (8):

(Mais informações em breve)

Cadastre-se e descubra como surfar a Terceira Onda das Criptomoedas e entenda por que você deveria olhar agora para esse tipo de investimento

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store