Coin News

Com Bitcoin estável, Ethereum recua e altcoins têm novo dia de perdas; GMT lidera queda e desaba 20% após pressão chinesa

27 May, 20223 min readAltcoins
Com Bitcoin estável, Ethereum recua e altcoins têm novo dia de perdas; GMT lidera queda e desaba 20% após pressão chinesa

O Ethereum (ETH) cai novamente mais que o Bitcoin (BTC) nesta sexta-feira (27) e puxa nova baixa de altcoins, como são chamadas as criptomoedas além do BTC. Nas últimas 24 horas, o ETH recua 3,1% e atinge perdas semanais de 12,1%, bem menos do que os 4,3% perdidos pelo Bitcoin, negociado próximo da estabilidade nas primeiras horas desta sexta-feira (27) após ceder para US$ 28 mil ontem e recuperar rapidamente o patamar acima de US$ 29 mil.

Demais criptos vão ainda pior que o ETH e várias recuam dois dígitos, como ApeCoin (APE), THORChain (RUNE), Elrond (EGLD) e Loopring (LRC), que cedem perto de 10% hoje. Já a Solana (SOL) cai 6,8% em aparente reação à crise no Stepn (GMT), projeto move-to-earn que paga pela prática de exercícios que despenca 20% após a empresa anunciar que irá bloquear o app na China em possível cessão à pressão regulatória.

Segundo analistas, o movimento fraco de altcoins tem a ver com uma nova onda de aversão ao risco dentro da classe de ativos, com investidores movendo capital de criptos menores para o BTC, ou para stablecoins. Com isso, o indicador de dominância do Bitcoin, que mostra a participação no valor de mercado geral das criptomoedas, volta a subir e alcança os 44% – uma pista de que que altcoins estão sendo vistas por traders como ainda perigosas do que o usual.

“Não é surpresa para mim que as pessoas estejam recuando das criptomoedas”, disse JJ Kinahan, vice-presidente e estrategista-chefe de mercado da plataforma de negociação Tastytrade. “O Bitcoin, provavelmente a criptomoeda com o nome mais estabelecido entre os investidores de varejo, é aquela em que as pessoas confiam para aguentar [o momento turbulento].”

Repetindo o começo da semana, as criptomoedas também se movem em sentido contrário ao da Nasdaq, reduzindo, ao menos momentaneamente, a alta correlação de ativos digitais com ações de tecnologia vista desde o segundo semestre de 2021.

A Nasdaq registrou alta expressiva de 2,6% ontem, liderada por Tesla e Amazon, e o S&P 500 subiu quase 2%. “O S&P está tentando passar dos 4.000 [pontos], enquanto o Bitcoin está tentando romper os US$ 30 mil. São pontos muito importantes, muito correlacionados com a confiança no mercado e no Bitcoin e ativos em geral”, disse Kinahan, da Tastytrade.

  • Assista: Tudo o que você precisa saber para declarar criptos no Imposto de Renda
  • Em termos de análise gráfica, a nova queda do Ethereum representou a perda de uma média móvel de 40 semanas em relação ao Bitcoin. Segundo o analista Damanick Dantes, do CoinDesk, a criptomoeda pode enfrentar uma queda ainda maior, semelhante ao que ocorreu durante o bear market de 2018.

    Da mesma forma, a dominância do Bitcoin acelerou no início deste mês e rompeu acima de uma tendência de baixa de um ano, sinalizando condições de risco no mercado de criptomoedas – daí traders estarem se desfazendo de posições em altcoins neste momento.

    (Mais informações em breve)

    Source

    Subscribe to get our top stories

    Coin News
    App StoreApp Store