Coin News

Bitcoin despenca com alta dos títulos dos EUA e sinal de arrocho de juros no Brasil enquanto altcoin desconhecida sobe 60%

7 Sep, 20223 min readAltcoins
Bitcoin despenca com alta dos títulos dos EUA e sinal de arrocho de juros no Brasil enquanto altcoin desconhecida sobe 60%

Na manhã desta quarta-feira, 7 de setembro, dia da Independência do Brasil, o mercado de criptomoedas com retração em torno de 6% com volume de mercado de US$ 939 bilhões, baixa que começou a se acentuar no início da tarde do dia anterior. O Bitcoin (BTC), que lutava pelo suporte de US$ 20 mil, sofreu forte queda e era trocado de mãos pouco acima de US$ 18,7 mil, com recuo diário de 5,8% e dominância de mercado de 38,2%.

A liquidação de posições no mercado de criptomoedas coincide com o fortalecimento do dólar americano nos últimos dias, frente a uma cesta de seis moedas de países desenvolvidos, movimento que não acontecia havia 20 anos. O que também pode ser percebido pela valorização de rendimento de dez anos dos títulos emitidos pelo departamento de Tesouro dos Estados Unidos, considerado um investimento de baixo risco. No Brasil, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, sinalizou para nova alta da Selic, taxa básica de juros da economia brasileira, durante a próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom).

Em contagem regressiva para o The Merge (fusão), o Ethereum (ETH) era negociado a US$ 1.513 (-9%), baixa que era observada na maioria das altcoins. O SOL valia US$ 31,18 (-5,9%), o DOT estava cotado em 6,97 (-8,3%), o MATIC podia ser comprado por US$ 0,80 (-10%), o AVAX operava em US$ 18,29 (-9,5%), o ATOM era trocado de mãos por US$ 11,82 (-5%), o LINK equivalia a US$ 6,75 (-7,8%).

O monitoramento apresentava algumas altcoins em alta. O VGX estava precificado em US$ 0,96 (+10%), o REQ era negociado pouco acima de US$ 0,12 (+5%), o TON podia ser comprado por US$ 2 (+14,6%), o FET era trocado de mãos por 0,094 (+14%), o STG era transacionado pouco acima de US$ 0,72 (+13).

Entre as exceções, o desconhecido QLC Chain (QLC) chamou a atenção ao registrar uma alta em torno de 60%, que chegou a elevar o preço do token para US$ 0,024. O projeto pode ser considerado de pequeno porte, com uma capitalização de mercado de pouco mais de US$ 5 milhões, em alta de 37%, e volume diário de transações de US$ 10,9 milhões, em alta de 1.393%. O projeto, que se apresenta como uma rede blockchain pública de protocolo Network as a Service (Naas), rede como um serviço, ocupava a 921ª posição no ranking.

Gráfico diário do par QLC/USD. Fonte: CoinMarketCap

Na última terça-feira, antes da queda, o Cointelegraph Brasil noticiou a análise de Jason Pizzino, que previu a alta de 4.000% do da Alchemy Pay. Na ocasião, ele avaliou que o BTC poderia cair para US$ 18,7 mil, caso não conseguisse sustentar o suporte de US$ 19,5 mil, além de prever uma possível barreira para o Ether, mesmo após o The Merge.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store