Coin News

Bitcoin cai para R$ 90 mil e chega ao menor valor em dois anos

9 Nov, 20223 min readBitcoin
Bitcoin cai para R$ 90 mil e chega ao menor valor em dois anos

O preço do bitcoin segue próximo de R$ 90 mil após uma queda de 10% nas últimas 24 horas, com as principais corretoras passando por pressão e momentos de indefinição.

Com alto volume, a Binance anunciou um resgate para a FTX, terceira maior plataforma em volume. O mercado de criptomoedas mundial já suspeitava de uma insolvência e vinha vendendo o FTX Token (FTT) nos últimos dias.

Tudo começou após uma planilha da Alameda Research, que pertence à FTX, vazar e preocupar investidores sobre uma insolvência.

Bitcoin segue próximo de R$ 90 mil com nova queda no mercado

Ninguém poderia imaginar que após acusações e tensões de todos os lados, o resultado final seria de que a Binance compraria a FTX.

Após confirmação de ambos os CEOs das plataformas, o mercado de criptomoedas passou a digerir a informação. Com menos de 24 horas desde os anúncios, investidores seguem pessimistas com a aquisição, preferindo vender suas criptomoedas

Com isso, a cotação do bitcoin em Dólar chegou a visitar os US$ 17 mil, registrando uma queda de 10% em 24 horas. Tal cotação não era negociada no mercado desde dezembro de 2020.

Em Real brasileiro, dados do Mercado Cripto apontam que o bitcoin segue próximo de R$ 90 mil com a nova queda, que ainda segue ajudada no Brasil com a alta do Dólar na última terça-feira (8).

O suporte de R$ 90 mil não é quebrado desde novembro de 2020, ou seja, o mercado de traders no Brasil acompanha atento as próximas movimentações do bitcoin.

Efeito dominó na quebra da FTX abala o bitcoin, diz economista brasileiro

Para Fernando Ulrich, economista brasileiro e autor do livro “Bitcoin – A moeda na era digital”, a quebra da FTX não tem uma relação direta com a tecnologia da moeda digital.

No entanto, o preço pode ser impactado pelo efeito dominó de uma eventual quebra da empresa.

Assim, novas quedas no preço do bitcoin não estão descartadas, devendo os investidores se atentarem para os riscos do momento. Segundo ele, a “FTX é um player centralizado que está se alavancando com apostas arriscadas”.

Uma eventual quebra da FTX é um abalo sísmico ao mercado todo e pode provocar maiores quedas de preço.Embora isso não tenha NADA a ver com o #Bitcoin em si, o preço é impactado. Trata-se apenas de mais um player centralizado se alavancando e fazendo apostas arriscadas.— Fernando Ulrich (@fernandoulrich) November 9, 2022

O que ainda não está claro é como a Binance conduzirá a compra da FTX. Caso a corretora recue de sua intenção, o que é possível, a plataforma de Sam Bankman-Fried pode ruir e arrastar o mercado.

Durante o tempo de funcionamento da corretora, a FTX ficou conhecida como uma plataforma promissora, com vários produtos financeiros que não eram encontrados em outros locais. Um deles foi o token BOLSONARO2022, criado pela corretora para que traders apostassem na derrota ou vitória de Jair Bolsonaro nas eleições de 2022.

Chama atenção que, um dia antes de ser comprada pela Binance, a FTX dizia “que estava bem”.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store