Coin News

Bitcoin bate US$ 25 mil e 3 tokens apresentam o melhor desempenho semanal: DCR, FLOW e CEL

12 Aug, 20225 min readBitcoin
Bitcoin bate US$ 25 mil e 3 tokens apresentam o melhor desempenho semanal: DCR, FLOW e CEL

Desde o início do ano, os números de inflação dos EUA impactaram o preço do Bitcoin (BTC), já que a criptomoeda é considerada um ativo mais arriscado. Por vários meses consecutivos, os EUA tiveram que anunciar percentuais de inflação recorde, com o último em julho em 9,1% – o mais alto em mais de 40 anos.

No entanto, devido à queda dos preços do petróleo, as expectativas eram de que o Índice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês) fosse mais baixo em julho pela primeira vez em muito tempo.

Os EUA de fato delinearam um número de inflação mais baixo de 8,5% para o mês anterior, que foi 0,2% menor do que a maioria das previsões previam.

Como nos exemplos anteriores, o BTC reagiu imediatamente e subiu quase US$ 1.000 para pouco menos de US$ 24.000, chegando a uma máxima semanal de US$ 25 mil, depois de recuar. No entanto, a criptomoeda pode estar inclinada a mais volatilidade nas próximas semanas. Já o Ether dispara 8% nesta sexta-feira, chegando perto dos US$ 2.000.

O aumento de preço pode estar relacionado à abordagem geral dos investidores em relação à classe de ativos, uma vez que os números do CPI dão uma ampla sugestão do que o Federal Reserve dos EUA poderia fazer na próxima reunião em setembro.

Fonte: Cointelegraph

Enquanto o Bitcoin volta a performar de forma a chamar a atenção dos investidores, três tokens apresentaram valorização acima de 100%: Decred (DCR) 37.2%, Flow (FLOW) 64.5% e Celsius (CEL) 106.3%.

Decred (DCR) 37.2%

O último grande rali do Decred aconteceu em abril, na expectativa do seu hard fork, que na época levou o token para 45% de valorização em um único dia. Com o hard fork, as recompensas pagas aos validadores subiram de 30% para 80%.

Fonte: Nomics

O preço do Decred é de US$ 36,40, que caiu 1% nas últimas 24 horas, mas no acumulado semanal, uma valorização da ordem de 37.2%. O valor de mercado da Decred é de US$ 518,65 milhões. O volume de DCR em 24 horas é de US$ 20,14 milhões, com uma oferta circulante de 14.249.764 e uma oferta máxima de 21.000.000.

O Decred é negociado em 22 exchanges, sendo as principais: Binance (US$ 6,71 milhões), Nami.Exchange (US$ 3,57 milhões) e OKX (US$ 2,36 milhões). O Decred teve uma alta histórica de US$ 246,01 mais de 1 ano atrás.

No último dia, o Decred foi negociado em 123 mercados ativos, com seus pares de negociação de maior volume sendo USDT (US$ 14,20 milhões), BTC (US$ 2,63 milhões) e VNDC (US$ 1,81 milhão).

Flow (FLOW) 64.5%

Token FLOW dispara 50% em meio à euforia por adoção de NFTs pelo Instagram. O último rali de preços do FLOW o transformou em um ativo "sobrecomprado", o que pode significar uma correção iminente, como noticiou o Cointelegraph.

O CEO do Meta, Mark Zuckerberg, anunciou em 4 de agosto que o Instagram havia expandido seu suporte NFT para mais 100 países na África, Ásia-Pacífico, Oriente Médio e Américas. Como resultado, mais usuários podem postar colecionáveis ​​digitais cunhados na blockchain Flow no Instagram.

Fonte: Nomics

O preço do Flow é de US$ 2,9877, o que representa um aumento de 4% nas últimas 24 horas e no acumulado semanal, uma valorização da ordem de 64.5%. O valor de mercado do Flow é de US$ 3,10 bilhões. O volume de FLOW em 24 horas é de US$ 515,86 milhões, com uma oferta circulante de 1.036.200.000 e oferta máxima de 1.390.757.889.

O Flow é negociado em 37 exchanges, sendo as principais: Binance (US$ 283,88 milhões), KuCoin Futures (US$ 53,51 milhões) e FTX (US$ 45,27 milhões). O Flow teve uma alta histórica de US$ 39,15 há mais de 1 ano. No último dia, o Flow foi negociado em 90 mercados ativos, com seus pares de negociação de maior volume sendo USDT (US$ 452,68 milhões), USD (US$ 49,74 milhões) e BUSD (US$ 5,90 milhões).

Celsius (CEL) 106.3%

O token Celsius chegou a cair para US$ 0,13 em 13 de junho, quando a empresa anunciou a interrupção dos saques. Neste momento, o CEL registra uma alta de mais de 1.000% em menos de dois meses e um ganho de 400% desde 14 de julho, quando a plataforma de empréstimos deu entrada ao seu pedido de falência.

Negociado a US$ 1,85, o CEL atingiu uma cotação superior à qual se encontrava antes de suspender os saques de clientes devido a uma grave crise de liquidez que teve início com o colapso do ecossistema Terra Classic (LUNC).

Fonte: Nomics

O preço do Celsius hoje é de US$ 2,3672, o que representa um aumento de 34% nas últimas 24 horas e no acumulado semanal, uma valorização da ordem de 106.3%. O valor de mercado da Celsius é de US$ 972,26 milhões. O volume de CEL em 24 horas é de US$ 130,72 milhões, com uma oferta circulante de 410.730.516 e oferta máxima de 695.658.161.

O Celsius é negociado em 30 exchanges, com as principais sendo: OKX (US$ 79,65 milhões), BingX (US$ 24,23 milhões) e FTX (US$ 12,92 milhões). O Celsius teve uma alta histórica de US$ 8,0308 há cerca de 1 ano.

No último dia, o Celsius foi negociado em 138 mercados ativos, com seus pares de negociação de maior volume sendo USDT (US$ 113,48 milhões), USD (US$ 12,99 milhões) e ETH (US$ 3,24 milhões).

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store