Coin News

Binance não consegue vender todos os tokens nativos da FTX antes da corretora rival quebrar

12 Nov, 20223 min readBitcoin
Binance não consegue vender todos os tokens nativos da FTX antes da corretora rival quebrar

A exchange de criptomoedas Binance não conseguiu vender todo o seu estoque de tokens nativos da corretora FTX antes da empresa pedir recuperação judicial nesta sexta-feira (11). Segundo o Decrypt, ela ainda detém 5% da oferta total dos tokens FTT, que agora valem apenas US$ 65 milhões, mesmo após a promessa feita pelo CEO Changpeng CZ Zhao de vender todo o estoque.

O FTT é o utility token nativo da FTX, que concede aos titulares descontos nas taxas de negociação. Ele funciona como um programa de fidelização de clientes: quanto mais um usuário possui, maior o desconto que obtém em suas negociações na FTX. Ou, pelo menos, era assim que funcionava.

Uma pessoa familiarizada com a situação entre a Binance e a FTX disse ao Decrypt que a exchange conseguiu vender muito pouco do seu FTT antes de anunciar que tinha desistido do acordo com a rival. O FTT, que valia US$ 580 milhões no sábado, quando a Binance inicialmente acionou os alarmes fazendo movimentações do token, agora vale cerca de US$ 89 milhões.

Colapso da FTX

Os problemas começaram para a FTX na semana passada, após a Coindesk informar que pelo menos US$ 5 bilhões do balanço de US$ 14 bilhões da Alameda Research eram de FTT. Tanto a FTX como a Alameda foram fundadas e são propriedade do CEO da FTX, Sam Bankman-Fried, mas ele sempre sustentou que as duas entidades eram independentes.

A notícia levou a Binance a começar a liquidar sua posição de FTT, que foi seguida por uma onda de pequenos investidores e traders tentando fazer o mesmo. Essa corrida fez o preço do FTT despencar e resultou em uma crise de liquidez para a FTX da qual, em última análise, ela não conseguiu recuperar.

A Binance acabou com uma grande posição FTT porque a FTX usou os tokens e stablecoins para recomprar a participação da empresa de CZ no ano passado. Com isso, a Binance decidiu sair de sua posição acionária após muitas divergências e preocupações fortes sobre o relacionamento de seu concorrente com a Alameda Research, disse uma fonte familiarizada com o acordo.

No momento, a carteira para a qual os tokens da Binance foram transferidos ainda tem 17 milhões de FTT, no valor de aproximadamente 65 milhões de dólares, segundo o Etherscan. A posição da Binance representa uma participação de 5% na oferta total de FTT.

Na semana passada, o preço do FTT caiu 85%, passando de US$ 24,39 para US$ 3,80, de acordo com o CoinGecko.

O token, que geralmente possui um volume diário de transações entre US$ 50 milhões e US$ 100 milhões, disparou para US$ 1,6 bilhão em volume no dia seguinte ao CEO da Binance, Changpeng Zhao, confirmar que a exchange estava vendendo seus FTTs. Depois, o volume aumentou novamente para US$ 4,4 bilhões na quarta-feira, quando a Binance anunciou que o acordo estava encerrado.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

Quer negociar mais de 200 ativos digitais na maior exchange da América Latina? Conheça o Mercado Bitcoin! Com 3,8 milhões de clientes, a plataforma do MB já movimentou mais de R$ 50 bilhões em trade in. Crie sua conta grátis!

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store