Coin News

Binance cria Conselho Consultivo Global para atuar em questões regulatórias e políticas

42 min ago2 min readRegulation
Binance cria Conselho Consultivo Global para atuar em questões regulatórias e políticas

À medida que a comunidade cripto cresce, expandindo-se no mundo inteiro, as complexidades que envolvem a indústria se tornam mais evidentes. Questões regulatórias, políticas e sociais geralmente atrapalham a adoção de criptomoedas, retardando os avanços do espaço.

Em resposta a esses problemas, a exchange de criptomoedas Binance formou uma força-tarefa chamada Global Advisory Board (GAB) – conselho consultivo global, em tradução livre. O conselho é composto por personalidades eminentes que deverão estar aptas para contribuir para a resolução de quaisquer problemas que possam surgir à medida que a exchange avança com suas iniciativas para impulsionar a adoção de criptomoedas, tecnologia blockchain e Web3.

O grupo será liderado por um ex-senador dos EUA, Max Baucus. Os membros incluem várias figuras de destaque no cenário político e econômico global como Ibukun Awosika, HyungRin Bang, Bruno Bezard, Leslie Maasdorp, Adalberto Palma, David Plouffe, Christin Schäfer, Lord Vaizey, David Wright e o brasileiro Henrique Meirelles.

Este último, foi presidente do Banco Central durante a gestão do ex-presidente Lula (PT) e ministro da Fazenda da gestão Michel Temer (MDB).

Em um comunicado divulgado à imprensa, o CEO da Binance, Changpeng Zhao, disse que, desde o início, a exchange enfrentou problemas que "ninguém sabia que existiam" com suas operações. Zhao acredita que a formação do GAB é um passo para o avanço da missão da empresa:

"Sempre colocamos nossos usuários em primeiro lugar, e isso serviu como uma estrela do norte muito eficaz para nós nos últimos cinco anos de crescimento empolgante e sem precedentes".

Por sua vez, Baucus expressou sua empolgação com o potencial das criptomoedas, da tecnologia blockchain e da Web3. De acordo com o ex-senador, eles visam resolver problemas complexos e entregar resultados socialmente positivos.

Na recente Convenção de Criptomoedas da Austrália, Eowyn Chen, CEO da Trust Wallet, identificou barreiras que impedem uma adoção mais ampla de criptomoedas. De acordo com Chen, são elas: dificuldade de uso, segurança, privacidade e identificação dos usuários.

Enquanto isso, a rede blockchain nativa da Binance, a BNB Chain, lançou recentemente uma iniciativa da comunidade que se concentra em proteger os usuários contra golpes e explorações. Apelidada de AvengerDAO, a organização autônoma descentralizada (DAO) com foco em segurança foi criada para adicionar uma camada extra de segurança à blockchain.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store