Coin News

Baterista do Guns N' Roses faz show exclusivo no Brasil para fãs de NFTs

2 Sep, 20223 min readNFT
Baterista do Guns N' Roses faz show exclusivo no Brasil para fãs de NFTs

Após levantar mais de R$ 100 milhões para o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP) o ViralCure (antiga plataforma de crowdfunding do HCFMUSP) anunciou que se prepara para se tornar um movimento global de apoio à ciência por meio de tecnologias alinhadas com a filosofia da Web3.

Idealizada pela Sthorm, unidade de missões especiais voltadas ao impacto social, a plataforma será lançada em evento no dia 3 de Setembro ao lado de pesquisadores, empreendedores espaciais e estrelas de rock internacional, que virão ao Brasil exclusivamente para a celebração.

O lançamento sediará palestras de ciência open-source, novas formas de capitalismo, e contará com painéis específicos sobre a exploração de NFTs em comunidades, no entretenimento, e sobre exploração espacial.

O evento será realizado na Usina Monte Alegre - espaço de de 400 mil metros quadrados em Piracicaba, São Paulo, que já sediou a segunda maior usina açucareira do País. Com ínicio às 16h0, o espaço também será palco de um show exclusivo de uma banda formada por Matt Sorum (Ex-Guns N' Roses, Motorhed, The Cult), Gilby Clarke (Ex-Guns N' Roses, Slash's Snakepit), Billy Gibbons (ZZ Top) e Sebastian Bach (Skid Row).

NFTs e ciência no Brasil

A celebração terá um painel específico sobre entretenimento e NFTs com participação de Matt Sorum e presença de Bob Richards, fundador da Singularity University, International Space University, SEDS, Space Generation Foundation e Odyssey Moon.

Richards trabalhou ao lado de Carl Sagan e se tornou evangelista do movimento "NewSpace", catalisador de múltiplos negócios espaciais. Ele estará no evento representando a Artemis Music, empresa que realiza viagens espaciais com arquivos e NFTs na Estação de Espaço Internacional (ISS).

A ala científica contará com três cientistas da Mabloc, biotech independente no portfólio de projetos da Sthorm. A empresa de biotecnologia global desenvolveu, neste ano, uma pesquisa inédita de febre amarela que conseguiu vencer a fase pré-clinica de desenvolvimento.

Com mais de R$ 65 milhões arrecadados com ferramentas de financiamento alternativo, a Mabloc tem foco na produção de anticorpos monoclonais contra doenças tropicais negligenciadas e SARS Cov 2.

Representando a biotech em palestra sobre open-science, estará o Prof. Dr. Esper Kallás, titular do Departamento de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), David Watkins, professor de patologia na Universidade George Washington e Michael Ricciardi, Diretor Associado de Pesquisa Translacional na mesma universidade.

No painel do "novo capitalismo", o evento ainda terá a presença de Marcelo Bechara, Diretor de Relações Governamentais da Globo, Alex Nascimento, Professor de Blockchain & STOs na universidade americana UCLA e Gilberto Fischel, CEO da MundusDAO.

A palestra sobre o uso de NFTs em comunidades terá a presença da artista e fundadora da Eve.nft, Livia Elektra, Rodrigo Loli, ambos da Casa NFT, Tulio Dek, artista plástico e Thiago Gomes, Head de Marketing da Sthorm.

“É o momento de utilizarmos toda a energia que já foi gerada com a atenção criada pela pandemia e criarmos um movimento global pelo desenvolvimento científico que possa ser acessado por todas as pessoas. Temos a tecnologia, os cientistas e o interesse global. O ViralCure irá reunir, amplificar e viabilizar esse encontro de investidores descentralizados em saúde com cientistas ao redor do mundo”, afirma Pablo Lobo, CEO da Sthorm e idealizador da plataforma.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store