Coin News

Atualização do Ethereum chama atenção da SEC

16 Sep, 20223 min readRegulation
Atualização do Ethereum chama atenção da SEC

Após o Ethereum ser atualizado nesta quinta-feira (16), os mineradores deram lugar aos validadores que fazem staking para processar transações. Este novo sistema de recompensa, no entanto, pode chamar a atenção da SEC.

Afinal, agora os próprios detentores de ether (ETH) terão poder ao fazer stake de suas moedas. Portanto, o sistema funciona como um pagamento de dividendos, ou seja, estes recebem as recompensas de blocos mais parte das taxas de transações da rede.

Dado isso, vale lembrar que os líderes do senado americano tentaram classificar o Ethereum como commodity às pressas no mês passado. Então, parece que há muito em jogo para a segunda maior criptomoeda do mercado.

Proof-of-Stake pode mudar como o Ethereum é visto por reguladores

Stake é uma palavra inglesa que pode ser traduzida para “aposta”. Ou seja, quem estiver fazendo staking no Ethereum está colocando suas moedas em jogo, podendo receber recompensas por ser honesto ou então perdê-las por ser desonesto com a rede.

Apesar desta atualização do Ethereum ter trazido algumas vantagens para sua rede, como um menor gasto energético e uma menor inflação, o The Merge também pode alterar a percepção de reguladores, em especial da SEC.

Segundo informações do The Wall Street Journal, Gary Gensler não vê o Proof-of-Stake (PoS) com bons olhos, principalmente quando oferecido por terceiros, como exchanges.

“Parece muito semelhante — com algumas mudanças de rotulagem — com empréstimos.”

Em seguida, sem citar o Ethereum, comenta que criptomoedas que usam PoS podem se enquadrar como uma security, ou seja, um valor mobiliário. Como sempre, o presidente da SEC é evasivo e apenas aponta que tais moedas devem passar pelo teste de Howey.

“Do ponto de vista da moeda… esse é outro indício de que, sob o teste de Howey, o público investidor está antecipando lucros com base nos esforços de outros.”

Devido ao barulho causado pela atualização do Ethereum, alguns maximalistas do Bitcoin estão torcendo pela queda do ETH. Em especial, podemos citar Michael Saylor, que compartilhou tal artigo do WSJ.

Reguladores correram para passar o Ethereum como commodity

O que mais chama atenção é que no início de agosto, há pouco mais de um mês, líderes do senado americano se apressaram para classificar o Ethereum como uma commodity ao lado do Bitcoin.

Tal corrida é justificada. Afinal, o Ethereum possui R$ 941 bilhões em valor de mercado, isso sem falar nos tantos projetos construídos em cima do mesmo. Portanto, tal debate pode mudar todo o seu futuro, bem como influenciar tomadas de decisão sobre outras criptomoedas.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store