Coin News

Após demissões, Coinbase descontinuará plataforma “Pro”

5 d ago3 min readOther
Após demissões, Coinbase descontinuará plataforma “Pro”

Passando por uma fase longe da ideal, a Coinbase anunciou nesta quinta-feira (23) que vai desativar sua plataforma “Pro”. Essa solução havia sido criada e anunciada em 2018, para atender a um nicho de clientes da antiga corretora GDAX, criada em 2015.

A intenção principal da Coinbase ao lançar sua nova ferramenta foi a expansão mundial de seus serviços, que até então ainda eram muito concentrados nos Estados Unidos.

Desde o lançamento da versão Pro, a Coinbase cresceu muito, se consolidou como a maior corretora de criptomoedas dos EUA e até abriu seu capital na bolsa de valores. Dessa forma, a marca da empresa ganhou renome e essa pode ser uma das motivações para o fim da divisão profissional.

Coinbase vai desativar plataforma de trade “Pro”

Nos últimos meses o mercado de criptomoedas virou para baixa, com uma tendência que afetou duramente muitas plataformas. Uma delas é a Coinbase, que viu suas ações na bolsa derreterem da alta histórica.

Além disso, nos últimos dias, a Coinbase anunciou um dos maiores planos de demissão de funcionários do setor, ao afirmar que 1.100 pessoas perderam seus cargos com o movimento do inverno cripto chegando ao mundo.

Agora, a novidade desta quinta é que a Coinbase Pro será desativada, de acordo com nota da corretora, para que suas plataformas sejam unificadas. De acordo com a corretora, isso deverá facilitar para traders que possuem contas em ambas as plataformas.

“O que está acontecendo? Nos próximos meses, planejamos mesclar os recursos e a tabela de taxas do Coinbase Pro em uma nova conta unificada da Coinbase que oferece aos nossos usuários a opção de uma experiência de negociação avançada ou a simplicidade do aplicativo de consumidor Coinbase.”

Além da redução de custos de se manter duas plataformas ser reduzida, é possível que a Coinbase esteja se concentrando em melhorar sua experiência de negociação em um ambiente apenas.

A Coinbase garante que a sua principal corretora não será afetada pela unificação com a Pro.

“Queremos facilitar para os clientes”

As corretoras de criptomoedas foram as principais afetadas pelo mercado em baixa, visto que após as liquidações dos últimos meses, muitos negociantes perderam a vontade de negociar. Dessa forma, o valor recebido pelas empresas para intermediar negociações foi reduzido drasticamente.

Para justificar o fim da Coinbase Pro, a corretora ainda declarou que mais funcionalidades serão criadas em breve para seus clientes. Uma mudança acontece para quem opera com APIs, que deverá alterar seus softwares para a Coinbase apenas.

A data final da operação ainda não foi confirmada no anúncio desta quinta, e a Coinbase prometeu divulgar em breve o cronograma para que clientes saibam mais detalhes.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store