Coin News

Alerta de 'destruição' do Bitcoin à medida que aumento da taxa de juros dos EUA se aproxima e DXY atinge máxima de 20 anos

21 Sep, 20225 min readBitcoin
Alerta de 'destruição' do Bitcoin à medida que aumento da taxa de juros dos EUA se aproxima e DXY atinge máxima de 20 anos

O Bitcoin (BTC) registrou uma recuperação fraca em 21 de setembro, e o índice do dólar (DXY) saltou para uma nova máxima anual enquanto os investidores aguardam a decisão da taxa de juros do Comitê Federal de Mercado Aberto que será divulgada nesta quarta-feira.

Preço do BTC segura os US$ 19 mil antes da decisão do Fed

O preço do BTC conseguiu se manter na faixa de US$ 19.000 com uma modesta valorização diária de 1,33%. Enquanto isso, o índice do dólar, que mede a força da moeda norte-americana em relação a um conjunto das principais moedas de reserva globais, subiu para 110,86, seu nível mais alto em vinte anos.

Cenários do aumento da taxa de juros dos EUA

O Banco Central dos EUA (Fed) está prestes a decidir até que ponto irá aumentar as taxas de juros de referência da economia norte-americana para tentar conter a inflação recorde que assola o país. Curiosamente, o mercado espera que o Fed aumente as taxas em 75 ou 100 pontos base (bps).

Uma decisão em favor de taxas de juros mais altas provavelmente resultará em menor apetite dos investidores por ativos de risco, como ações e criptomoedas. Por outro lado, o dólar se apresenta como um refúgio seguro para quem quer escapar dos ativos de risco.

"Parece não haver razão para o Fed suavizar o aperto monetário indicado no recente simpósio de Jackson Hole, e uma 'alta hawkish' [0,75 ponto percentual] deve manter o dólar perto de suas máximas anuais", disseram analistas do ING ao Financial Times.

O analista de mercado independente PostyXBT argumenta que uma taxa de 100 bps pode "destruir" o Bitcoin, derrubando a criptomoeda abaixo de seu suporte técnico atual de US$ 18.800. Ele também sugere que o BTC tem uma boa chance de recuperação se o aumento da taxa for menor do que o esperado, ou 50 bps.

$BTC 1DAs us FOMC experts would know, today is a big day!100bps likely nukes support for good?50bps likely pumps and gives bulls some breathing room?Going to be a very interesting daily close — Posty (@PostyXBT) September 21, 2022

$ BTC 1D

Como nós, especialistas do FOMC, sabemos, hoje é um grande dia!

100bps provávelmente destruirá para valer o suporte?50bps provavelmente oferecerá um impulso de alta e dará aos touros algum espaço para respirar?

Vai ser um fechamento diário muito interessante

— Posty (@PostyXBT)

Essas especulações ecoam as expectativas gerais de alta das taxas de juros. John Kicklighter, estrategista-chefe do DailyFX, observa que um aumento de 50 bps na taxa seria otimista para o índice de referência do mercado de ações dos EUA.

No entanto, um aumento de 100 bps na taxa seria extremamente baixista para o S&P 500. Isso pode ser igualmente problemático para o Bitcoin, cuja correlação com o mercado de ações tem sido consistentemente positiva desde dezembro de 2021.

Pesquisas indicam uma alta de 75 bps na taxa de juros

A economia dos EUA acumula dois trimestres consecutivos de crescimento negativo. Além disso, seu PMI de manufatura apontou para um crescimento mais lento na atividade fabril desde julho de 2020. Enquanto isso, os retornos do título de 2 anos do Tesouro dos EUA ultrapassaram os retornos dos títulos de 10 anos, traçando uma curva de juros.

Essas métricas disparam o alarme sobre uma recessão iminente. Mas, em compensação, os dados de desemprego registram recorde de baixa e as taxas iniciais do setor de habitação ainda estão acima da zona de perigo de US$ 1,35 milhão, de acordo com dados apresentados por Charles Edwards, fundador da Capriole Investments.

Normalmente, os avisos de recessão levam o Fed a fazer um pivô. Em outras palavras, para reduzir ou pausar o aumento das taxas de juros. Mas Edwards observa que o Banco do Central dos EUA não vai pivotear, já que a economia dos EUA tecnicamente não está em recessão.

"Até que grandes preocupações de recessão apareçam, até que doa onde importa - o emprego - não há razão para esperar uma mudança urgente na política do Fed neste momento", escreveu ele, acrescentando:

"Portanto, [o aumento das taxas de juros] são normais até que tenhamos evidências de que a inflação está sob controle."

A maioria dos economistas, ou 44 dos 72 consultados pela Reuters, também prevê que o Fed aumentará as taxas em 75 bps em sua reunião de setembro. Portanto, o Bitcoin pode evitar uma correção mais profunda se mantiver sua correlação com o S&P 500, com base na perspectiva do Kicklighter.

Bitcoin rumo ao US$ 14.000 em seguida?

Sob um ponto de vista técnico, o Bitcoin pode cair para US$ 14.000 em 2022, caso uma queda abaixo de seu nível de suporte atual de cerca de US$ 18.800 desencadear uma formação de de "cabeça e ombros".

Em contrapartida, uma recuperação do suporte de US$ 18.800 pode impulsionar o BTC ao preço alvo de US$ 22.500, o que significaria um aumento de 16,5% em relação ao seu valor atual.

As opiniões e pontos de vista expressos aqui são exclusivamente do autor e não refletem necessariamente as opiniões do Cointelegraph.com. Cada movimento de investimento e negociação envolve risco, você deve realizar sua própria pesquisa ao tomar uma decisão.

Source

Subscribe to get our top stories

Coin News
App StoreApp Store